Presidente da Uefa: temporada terminará mesmo com portões fechados

Dirigente diz que o importante é jogar

Uefa adia partidas de Champions e Europa LeagueUefa adia partidas de Champions e Europa League - Foto: Divulgação

O presidente da Uefa (entidade máxima do futebol europeu), o esloveno Aleksander Ceferin, afirmou nesta segunda (20) que confia que a atual temporada do futebol do Velho Continente chegará ao fim mesmo que os jogos tenham que ser disputados sem a presença de torcedores por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), publicou o jornal italiano Corriere Della Sera.

Leia também:
Uefa decide manter Liga dos Campeões suspensa e sem data para retorno
Em meio à desconfiança, Turcomenistão se declara livre do coronavírus e retoma futebol

“A prioridade é a saúde de torcedores, jogadores e dirigentes. Sou otimista por natureza, e acredito que existem opções que podem nos permitir iniciar campeonatos e completá-los. Podemos ter que realizar os jogos sem a presença de público. Mas acredito que o mais importante é jogar. Em tempos tão difíceis, isso traria felicidade às pessoas e um certo senso de normalidade, mesmo que os jogos sejam exibidos apenas pela TV”, afirmou o dirigente.

Segundo Ceferin, a possibilidade de não terminar a temporada “seria terrível para clubes e ligas”, por isso, será possível terminar as competições, desde que se aguarde a permissão para voltar a jogar.

Ao ser questionado sobre um prazo para o final da atual temporada europeia, o presidente da Uefa afastou a possibilidade de terminar as competições após o final de agosto, o que, segundo ele, “teria um forte impacto no calendário da temporada 2020/2021”.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Navegue na edição digital da Folha de Pernambuco
Folha de Pernambuco

Navegue na edição digital da Folha de Pernambuco

Janet Yellen é confirmada como primeira secretária do Tesouro americano
EUA

Janet Yellen é confirmada como primeira secretária do Tesouro americano