Preso em Gravatá acusado de matar PM no DF há 12 anos

Prisão foi feita em operação conjunta entre as Polícias Civis de Pernambuco e do Distrito Federal

Washington Vieira do Nascimento, o "Miau"Washington Vieira do Nascimento, o "Miau" - Foto: Divulgação/Polícia Civil de Pernambuco

Acusado de matar um policial militar no Distrito Federal em 2007 e foragido da Justiça desde então, foi preso na noite dessa terça-feira (13) Washington Vieira do Nascimento, o "Miau". O mandado de prisão preventiva foi cumprido por volta das 20h, em Gravatá, no Agreste de Pernambuco.

Miau foi condenando pelo Tribunal do Júri de Ceilândia/DF há 12 anos pelo assassinato a tiros do policial militar Romildo Palhares Ribeiro. Ele foi condenado, mas não havia sido preso ainda. A prisão dele foi feita em operação conjunta entre as Polícias Civis de Pernambuco e do Distrito Federal, sob a presidência do delegado Álvaro Grako.

Leia também:
Cantora pernambucana suspeita de matar amante há 16 anos é presa em SP
Ex-presidiário é preso por matar namorada com toalha em motel em Gravatá

As investigações apontaram o endereço onde o acusado estava em Gravatá, junto com familiares. O preso foi encaminhado ao Presídio de Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata Norte de Pernambuco. Ele será transferido para o Distrito Federal.

Veja também

Contra dupla função, rodoviários paralisam circulação de ônibus no Centro do Recife
Protesto

Contra dupla função, rodoviários paralisam circulação de ônibus no Centro do Recife

Plano de Convivência: veja em qual etapa está cada cidade de Pernambuco a partir desta segunda
Coronavírus

Plano de Convivência: veja em qual etapa está cada cidade de Pernambuco a partir desta segunda