Feriado

PRF intensifica fiscalização em rodovias de Pernambuco a partir desta sexta-feira (8)

A iniciativa segue até o final de terça-feira (12), com foco na conscientização de condutores e passageiros, para a redução da violência no trânsito

Fiscalização da PRFFiscalização da PRF - Foto: Divulgação/PRF

Com a aproximação do feriado na terça-feira (12), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) intensifica, a partir de sexta-feira(8), a fiscalização, as ações educativas e de combate ao crime nas rodovias federais de Pernambuco, através da Operação Nossa Senhora Aparecida 2021. A iniciativa segue até o final de terça, com foco na conscientização de condutores e passageiros, para a redução da violência no trânsito.

Segundo a PRF, a expectativa é de que haja uma maior circulação de veículos na BR 101 Norte e Sul, em direção às praias, bem como na BR 232, que dá acesso ao Agreste e Sertão pernambucanos. 

A fiscalização buscará coibir infrações graves, como as ultrapassagens em local proibido, a embriaguez ao volante e o uso irregular de motocicletas. As abordagens terão como foco o uso de dispositivos de segurança obrigatórios, mas que muitas vezes são esquecidos pelos condutores, como o cinto de segurança, o capacete e os equipamentos de retenção para crianças. Sobre esses dispositivos, a lei 14.071 de 2020 promoveu algumas alterações no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), incluindo o peso previsto para cada idade e a altura mínima para o transporte dos pequenos no banco da frente.

Leia também

• 'Dedos de Covid' pode ser reação do sistema imunológico ao coronavírus, diz estudo

• Enxame de abelhas ataca pedestres no Bairro do Recife; assista

• Procon Recife intensifica fiscalização na semana que antecede o Dia das Crianças


Transporte de crianças
Crianças de 0 a 1 ano de idade ou com peso de até 13 Kg, devem ser transportadas no bebê-conforto, de costas para o motorista; entre 1 a 4 anos de idade ou com 9 a 18 Kg, deve ser utilizada a cadeirinha; e aquelas que tenham de 4 a 7,5 anos ou com 15 a 36Kg, devem adotar o assento de elevação. Em cada caso, é importante que os responsáveis observem o manual de instrução do fabricante do equipamento.

No caso de crianças que tenham 10 anos de idade ou 1,45 metro, o transporte pode ser realizado no banco da frente, com a utilização do dispositivo de retenção adequado. Quem não respeita essa norma, está cometendo uma infração gravíssima, no valor de R$293,47 e sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), bem como só poderá seguir viagem após providenciar a instalação do equipamento adequado.

Educação para o Trânsito

A PRF realizará as ações de conscientização com o apoio do Grupo de Educação para o Trânsito, que fará palestras nas rodovias sobre o papel de cada um na promoção da segurança viária. Entre os temas abordados, está o uso do celular na direção do veículo, que prejudica a atenção do condutor e aumenta em 400% o risco de acidentes.

Policiamento

As atividades de enfrentamento à criminalidade contarão com o apoio de Grupos de Patrulhamento Tático da PRF, para coibir crimes nas rodovias federais. O policiamento
será ampliado em locais de maior movimentação de veículos, para proporcionar mais segurança durante o feriado prolongado. 

Dicas de segurança
- Verifique os principais itens do veículo antes de viajar: pneus, freios, luzes, óleo e água
do motor;

- Confira a validade da documentação pessoal e do automóvel. O licenciamento 2021
das placas terminadas em 1 e 2 começou a ser cobrado em outubro;

- Entregue o celular ao passageiro e mantenha a atenção nos veículos e pessoas que
precisam atravessar a rodovia;

- Respeite os limites de velocidade e aumente a distância em relação aos demais
veículos;

- Só ultrapasse em locais permitidos e quando tiver a certeza de que é possível realizar
essa manobra de forma segura;

- Em caso de emergência, entre em contato com a PRF no telefone 191.

Veja também

Odebrecht: Filho de ex-presidente do Panamá se declara culpado de lavagem de dinheiroPanamá

Odebrecht: Filho de ex-presidente do Panamá se declara culpado de lavagem de dinheiro

Boletim da Fiocruz sinaliza aumento de casos de SRAG em 13 estadosSíndrome respiratória aguda grave

Boletim da Fiocruz sinaliza aumento de casos de SRAG em 13 estados