PRF intensifica fiscalização nas BRs que vão para o Interior pernambucano

Operação vai até a meia-noite da próxima segunda-feira, dia de São João

Operação da PRF no São JoãoOperação da PRF no São João - Foto: divulgação/PRF

Com o aumento do trânsito em direção ao Interior de Pernambuco para os festejos juninos, a Polícia Rodoviária Federal iniciou, nesta quarta-feira (19), a Operação São João 2019, intensificando a fiscalização em BRs no Estado. A operação segue até a meia-noite da próxima segunda-feira (24), feriado de São João, nas BRs 232, 104, 407 e 428. A estimativa é de que, somente, na BR-232, Gravatá, Bezerros e Caruaru, trafeguem 45 mil veículos nesses dias, um aumento de 50% em relação aos dias normais.

Segundo a PRF, a operação visa a reduzir o número de acidentes, tendo como foco as infrações graves, como o consumo de bebida alcoólica, ultrapassagens em local proibido e o uso irregular de motocicletas. Também haverá a ação do Núcleo de Operações Especiais e os Grupos de Motociclistas, Operações com Cães e de Patrulhamento Tático da PRF, para coibir assaltos, receptação de veículos roubados, porte ilegal de arma e tráfico de entorpecentes.

Leia também:
Caruaru tem maratona de shows até o São João; confira a programação
Doutores da Alegria celebram São Joãozinho no Hospital Oswaldo Cruz


Tráfego sob chuva
Com este período chuvoso, a PRF alerta para o cuidado no trânsito, lembrando que o motorista deve reduzir a velocidade, manter uma distância segura dos outros veículos e manter os faróis acessos durante todo o percurso.

Em caso de aquaplanagem, quando os pneus perdem o contato com o asfalto ao passar por poças d´água, o motorista deve retirar o pé do acelerador, manter a direção firme e evitar frear de forma brusca, ações que evitam derrapagens e saídas de pista.

Veja também

Com ressalvas, TCE aprova contas de Doria e cobra transparência em gastos com Coronavac
São Paulo

Com ressalvas, TCE aprova contas de Doria e cobra transparência em gastos com Coronavac

Decreto de Bolsonaro libera militares da ativa em cargos do governo por tempo indeterminado
Militares

Decreto de Bolsonaro libera militares da ativa em cargos do governo por tempo indeterminado