VACINAÇÃO

Primeiras doses da vacina AstraZeneca/Oxford chegam a Pernambuco neste domingo

Pernambuco receberá 84 mil doses da vacina produzida em parceria com a FiocruzPernambuco receberá 84 mil doses da vacina produzida em parceria com a Fiocruz - Foto: Miva Filho/SES-PE

A previsão de chegada em Pernambuco das primeiras doses da vacina da farmacêutica AstraZeneca e da Universidade de Oxford é na madrugada deste domingo (24). O Estado deve receber 84 mil unidades do imunizante desenvolvido em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e produzido pelo Instituto Serum, na Índia.

As vacinas devem desembarcar no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes - Gilberto Freyre, à 0h25. Operado pela companhia aérea GOL, o voo vai partir do aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro. 

Em seguida, as doses serão levadas para a central de armazenamento de vacinas da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE). O Comitê Técnico Estadual para Acompanhamento da Vacinação contra a Covid-19 e a Comissão Intergestores Bipartite (CIB) terão reuniões na tarde de segunda-feira (25), para montar a estratégia de distribuição e de uso. 

“Esta nova remessa de vacinas nos dá a possibilidade de ampliar e acelerar o processo de imunização em Pernambuco. Ainda aguardamos informe técnico do Ministério da Saúde, bem como a bula da nova vacina. Além disso, iremos pactuar com o Comitê Técnico Estadual e com a representação dos municípios a estratégia para utilização destas novas doses”, explicou o secretário de saúde estadual, André Longo, em comunicado oficial. 

Segundo a Secretária Estadual de Saúde, 34.336 pessoas que fazem parte do público prioritário da primeira fase foram imunizadas contra a Covid-19 em Pernambuco, até a última sexta-feira (22). O Estado já recebeu 270 mil doses da CoronaVac, desenvolvidas em parceria com o Instituto Butantan.

Veja também

Pernambuco inaugura 23 novos leitos de UTI para infectados
COVID-19

Pernambuco inaugura 23 novos leitos de UTI para infectados

Governador do Pará provoca aglomeração na abertura da pesca de peixe amazônico
Helder Barbalho

Governador do Pará provoca aglomeração na abertura da pesca de peixe amazônico