São Caetano

Primos são detidos pelo transporte de 17,4 mil maços de cigarro paraguaios no Agreste

Veículos utilizados para transportar os produtos tentaram fugir da abordagem, segundo a PRF

Flagrante foi realizado durante fiscalização da PRFFlagrante foi realizado durante fiscalização da PRF - Foto: Divulgação/PRF-PE

Dois primos, de 45 e 46 anos, foram detidos pelo transporte de 17,4 mil maços de cigarro de origem paraguaia, na noite de quarta-feira (1º), na BR-232, em São Caetano, no Agreste de Pernambuco. A ação foi realizada durante uma ação conjunta da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do 15º Batalhão de Polícia Militar (BPM).

Policiais rodoviários realizavam uma fiscalização na rodovia federal, quando deram ordem de parada ao motorista de uma caminhonete, que desobedeceu e foi alcançado alguns quilômetros depois. Dentro do veículo foram encontradas 10 caixas de papel de seda paraguaio para fazer cigarros, R$ 1.922,00 e o pneu estepe de um carro.
 

Logo em seguida, outra equipe deu ordem de parada a um carro que seguia próximo da caminhonete, mas o motorista também desobedeceu e só foi alcançado após cinco quilômetros de fuga. Dentro do veículo foram encontrados 1.741 pacotes de cigarro e os policiais perceberam que o automóvel estava sem o pneu estepe.

Os condutores admitiram que viajavam juntos e que a caminhonete dava cobertura ao transporte do cigarro. Eles disseram ainda que haviam sido contratados para transportar o produto da Bahia até o Recife.

Os homens foram encaminhados à delegacia de Polícia Federal de Caruaru, no Agreste de Pernambuco. Eles devem responder por contrabando, que prevê pena de dois a cinco anos de reclusão.

Veja também

Vamos tocar a vida, diz Bolsonaro sobre iminência de 100 mil mortes por Covid-19
Brasil

Vamos tocar a vida, diz Bolsonaro sobre iminência de 100 mil mortes por Covid-19

Polícia detalha operação que cumpriu 11 mandados de prisão em PE e SP
Caixa Preta

Polícia detalha operação que cumpriu 11 mandados de prisão em PE e SP