Procon-PE visita pista de kart em Paulista e encontra local fechado

A intenção do órgão era fazer uma fiscalização na pista. Outros dois kartródomos já foram interditados

Kartródomo Tamboril, em PaulistaKartródomo Tamboril, em Paulista - Foto: Reprodução/Instagram

O Procon-PE, junto ao Corpo de Bombeiros, dando continuidade às fiscalizações nas pistas de kart do Estado, esteve, na tarde desta quarta-feira (14), no Kartódromo do Tamboril, localizado na Estrada do Sítio do Pica-Pau Amarelo, bairro da Guabiraba, em Paulista.

O órgão encontrou o local fechado, apesar de ser horário de funcionamento, de acordo com o site da empresa.

A série de fiscalizações ocorre após a estudante Débora Estefany, 19 anos, ser vítima de escalpelamento em um acidente de kart no domingo (10), em Boa Viagem, Zona Sul do Recife.

Segundo informações de transeuntes, o kartódromo não abre as portas desde o último incidente. “Pedimos que as pessoas denunciem caso encontrem irregularidades. O consumidor é o nosso principal fiscal”, explica a gerente de fiscalização, Danyelle Sena.

Leia também: 
Equipe médica detalha estado de saúde da jovem escalpelada por kart
Procon e Bombeiros veem irregularidades em pista de kart onde jovem foi escalpelada
Jovem de 19 anos é escalpelada por kart no Recife

O Procon-PE interditou dois estabelecimentos esta semana. O Adrenalina Kart Racing, que funciona no estacionamento do Wall Mart, de Boa Viagem, local onde ocorreu o acidente; e o GKI Guararapes Kart Indoor, localizada no estacionamento do supermercado Carrefour, no bairro da Torre. Os dois locais funcionavam de forma ilegal.

Veja também

Carrefour terá que punir funcionário que praticar racismo, decide Justiça
Racismo

Carrefour terá que punir funcionário que praticar racismo, decide Justiça

Novos casos de HIV superaram 20% na América Latina na última década, diz OPAS
HIV

Novos casos de HIV superaram 20% na América Latina na última década, diz OPAS