Professores da UFRPE entram em greve a partir desta terça

Segundo o órgão, ao todo foram 311 votos a favor, 43 votos contra e três abstenções.

Raquel e Joao LyraRaquel e Joao Lyra - Foto: Jorge Farias/Divulgação

Professores da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) deflagraram greve por tempo indeterminado nesta terça-feira (8). As informações foram confirmadas pela Associação dos Docentes (Aduferpe), que realizou uma assembleia geral na última quinta-feira (3), com o intuito de discutir as demandas da classe e realizar a votação que resultou na aprovação da greve. Segundo o órgão, ao todo foram 311 votos a favor, 43 votos contra e três abstenções.

A universidade, que possui quatro campus no Estado, alocados nos municípios de Cabo de Santo Agostinho, Garanhuns, Recife e Serra Talhada, tem cerca de 18 mil alunos (contando com os cursos presenciais e a distância) e 1,3 mil professores. De acordo com a assessoria do UFRPE, mesmo com a greve decretada, ainda não é possível afirmar se todos os alunos ficarão sem aulas, visto que há professores que não aderem a paralisação e continuam com as atividades previstas no calendário acadêmico.

Veja também

Casos de Covid-19 na Rocinha podem ser 62 vezes maiores que o oficial
Subnotificação

Casos de Covid-19 na Rocinha podem ser 62 vezes maiores que o oficial

Documentos perdidos no Carnaval continuam sendo entregues em Olinda
Serviço

Documentos perdidos no Carnaval continuam sendo entregues em Olinda