A-A+

Profissionais da Saúde de Pernambuco terão suporte psicológico

O canal, chamado 'Acolhe SES' foi anunciado nesta quarta-feira (29)

Coletiva de imprensaColetiva de imprensa - Foto: Reprodução

A partir desta quinta-feira (30), os profissionais da rede de saúde do Estado passarão a dispor de um serviço de suporte emocional, o “Acolhe SES”. O programa era um pleito desses servidores já há algumas semanas devido à pressão emocional a qual estão sendo expostos nas unidades hospitalares durante o enfretamento da Covid-19.

Trata-se de uma central de teleatendimento voltada exclusivamente para profissionais da Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) e familiares dos servidores vítimas da Covid-19. Através desse canal, será ofertado um auxílio para superar momentos de sofrimento, conflito emocional e familiar, ansiedade, pânico, entre outros. A central funcionará de segunda a sábado, das 7h às 19h, através do número 0800-081-4100.

A central contará com uma equipe multiprofissional formada por psiquiatras, psicólogos, assistentes sociais, sanitaristas, terapeutas ocupacionais, enfermeiros, residentes em Saúde Mental e Saúde da Família e profissionais que trabalham com Terapias Integrativas. Ao todo, são cerca de 40 pessoas, entre os teleatendentes, equipe de retaguarda (psiquiatras e psicólogos) para atuação em casos mais graves, e supervisão técnica.

Leia também:
Cremepe indica uso de pontuação para determinar pacientes que vão para UTI
Fila por leito de UTI em Pernambuco chega a ter mais de 100 pessoas
Infectologista diz que a Covid-19 é uma guerra sem bombas
Pernambuco registra 470 novos infectados e 30 mortes pela Covid-19 em 24h

 "Estamos atuando para fazer o atendimento da população, ampliando o número de serviços e leitos, orientando sobre as medidas de higiene e isolamento social, mas também precisamos ter um olhar qualificado e um canal aberto para ouvir os profissionais que estão na linha de frente da Covid-19 e seus familiares. Sabemos da demanda de pacientes que estamos recebendo e da importância de manter nossas equipes saudáveis, física e mentalmente, por isso a criação desse 0800, para auxiliar esse público nas questões psicossociais, ouvindo-os e ofertando alternativas de acordo com cada quadro", afirma o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Prévias do PSDB: na semana seguinte da suspeita de hacker, aplicativo recebe mais de 26 mil acessos
Política

Prévias do PSDB: na semana seguinte da suspeita de hacker, aplicativo recebe mais de 26 mil acessos

Talibãs do Afeganistão querem 'boas relações' com o resto do mundo
Talibã

Talibãs do Afeganistão querem 'boas relações' com o resto do mundo