Programa do PT prevê reforma dos sistemas judiciário e bancário

Apresentado pelo ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, o documento propõe reformar o sistema de Justiça 'para a garantia de direitos', além da democratização dos meios de comunicação em massa.

Executiva Nacional do PT na sede do partido em São Paulo.Executiva Nacional do PT na sede do partido em São Paulo. - Foto: Paulo Pinto/PT

O comando do PT aprovou nesta sexta-feira (20) os cinco pontos básicos do programa de governo do partido. Apresentado pelo ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, o documento propõe reformar o sistema de Justiça "para a garantia de direitos", além da democratização dos meios de comunicação em massa.

Leia também:
Nome de Ciro pode ser considerado pelo PT mais para a frente, diz Pimentel
PT mantém candidatura de Lula até agosto
Agora, Ciro está nas mãos do PT e do PSB
PT aposta todas as fichas em aliança com PSB


O programa prevê também uma "reforma bancária para aumentar o crédito barato as famílias e empresas", bem como a "reafirmação do legado dos governos do PT e revogação das medidas do governo golpista (legislações e privatizações)".

O documento fala ainda em refundação democrática do Brasil e combate aos privilégios.
A federalização do combate ao tráfico de drogas também está entre as propostas, que foram submetidas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Veja também

Somente 13% das indústrias renegociaram planos de saúde na pandemia

Somente 13% das indústrias renegociaram planos de saúde na pandemia

Incêndio de pequeno porte atinge bloco do Centro de Informática da UFPE
Recife

Incêndio de pequeno porte atinge bloco do Centro de Informática da UFPE