Notícias

Promotores iniciam investigação sobre causas do incêndio em Notre-Dame

Os promotores investigam a possibilidade de que o incêndio tenha começado por negligência

Momento da queda da flecha da Catedral de Notre-DameMomento da queda da flecha da Catedral de Notre-Dame - Foto: Reprodução/Twitter

Promotores franceses começaram a investigar o interior da Catedral de Notre-Dame, em Paris, para descobrir as causas do incêndio que danificou seriamente a estrutura histórica.

Nessa quarta-feira (17), autoridades disseram que especialistas e investigadores entraram em partes da catedral para iniciar o trabalho. Eles não haviam conseguido entrar no local devido ao temor de que toda a estrutura pudesse ruir. O incêndio de segunda-feira devastou a catedral, destruindo seu pináculo de 90 metros de altura e cerca de dois terços do teto.

Os promotores investigam a possibilidade de que o incêndio tenha começado por negligência. Há suspeitas de que o trabalho de restauração, que teve início no ano passado, tenha alguma relação com o fogo. Os promotores já interrogaram cerca de 30 pessoas envolvidas no trabalho.

Leia também:
Doações para reconstrução de Notre-Dame somam US$ 900 milhões
França anuncia concurso internacional para reconstruir flecha da Notre-Dame

Veja também

Biden assina ajuda de US$ 40 bilhões para Ucrânia
Internacional

Biden assina ajuda de US$ 40 bilhões para Ucrânia

COP15 se compromete a recuperar bilhões de hectares degradados
Meio ambiente

COP15 se compromete a recuperar bilhões de hectares degradados