Quadrilha de estelionatários é alvo de operação da polícia

Vítimas afirmam que criminosos agiam como em um "passe de mágica"

Cartões de créditoCartões de crédito - Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Uma quadrilha interestadual com práticas de associação criminosa e estelionato, principalmente no Recife, Olinda e Região Metropolitana do Recife (RMR), é o alvo da Operação Passe de Mágica, deflagrada na manhã desta terça-feira (27) pela Polícia Civil de Pernambuco (PCPE).

O título da operação faz alusão ao modo como o crime era praticado contra as vítimas. Os criminosos trocavam os cartões de créditos e entregavam cartões de terceiros durante operações financeiras em agências bancárias, sem que fossem notados, o que fazia os prejudicados chamarem o ato de "passe de mágica". A presidência da operação é da delegada adjunta da Delegacia de Polícia de Repressão ao Estelionato (Depatri), Viviane Santa Cruz.

Leia também:
Procurado por estelionato é preso em Igarassu
Estelionatária que se passava por delegada é presa em Olinda

Durante as investigações, o paraense Sérgio Luiz Soares Lobo foi preso com diversos cartões de créditos das vítimas. A 18ª Vara Criminal da Comarca do Recife expediu dez mandados de prisão preventiva e quatro mandados de busca e apreensão domiciliar no âmbito da operação, que é supervisionada pela Chefia de Polícia e coordenada pela Diretoria Integrada Especializada (Diresp).

As investigações começaram há quatro meses e foram efetuadas pela Delegacia de Polícia de Repressão ao Estelionato (DPRE) e assessorada pelo Núcleo de Inteligência do Depatri, com apoio da Diretoria de Inteligência da Polícia Civil (Dintel) e do Centro Integrado de Inteligência de Defesa Social (CIIDS).

Participaram do operacional 60 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães. A Chefia de Polícia divulgará mais detalhes sobre a operação nesta terça-feira, às 15h.

Veja também

Hospital de Bonsucesso suspende atendimentos e passará por reforma
Rio de Janeiro

Hospital de Bonsucesso suspende atendimentos e passará por reforma

Escolas particulares protestam por retorno das aulas presenciais
Educação

Escolas particulares protestam por retorno das aulas presenciais