Chuvas em Pernambuco

Recife tem mais de 13 mil famílias atingidas pelas chuvas cadastradas no auxílio emergencial

Prefeito João Campos acompanhou cadastro de famílias neste sábado

Cadastro de famílias afetadas pelas chuvas no RecifeCadastro de famílias afetadas pelas chuvas no Recife - Foto: Edson Holanda/PCR

Leia também

• Governador anuncia auxílio de R$ 1,5 mil para desabrigados e desalojados das chuvas

• Recife anuncia auxílio de R$1.000 às vítimas e aumento do auxílio-moradia

• Recife começa a cadastrar vítimas das chuvas para auxílio de R$ 1.000

• Camaragibe: Desabrigados poderão receber auxílio emergencial de R$ 1.200 e aluguel social de R$ 300

• Jaboatão inicia cadastramento de auxílio para vítimas das chuvas

• Recife tem mais de 10 mil famílias cadastradas para recebimento de auxílio municipal e estadual

O Recife chegou, neste sábado (11), à marca de 13.390 famílias cadastradas para receber o auxílio emergencial municipal e estadual pago aos afetados pelas fortes chuvas do fim de maio e começo de junho. A prefeitura da capital pernambucana estima que o número de famílias que sofreram danos com os temporais deve chegar a 20 mil.

O prefeito da cidade, João Campos, acompanhou o cadastramento neste sábado. Ele visitou as comunidades de Vila Vintém, no Vasco da Gama; e Borborema, em Boa Viagem. Esse foi o sexto  do dia do trabalho, iniciado na última segunda-feira (6). 

O trabalho é feito porta a porta pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e de Saúde Ambiental e Controle de Endemias (Asaces) e inclui todas as áreas de risco classificadas pela Defesa Civil e Assistência Social do município. Esse levantamento de campo e cadastro tem por objetivo o pagamento do auxílio emergencial e do auxílio-moradia. 

A cidade tem mapeado um total de nove mil pontos críticos de risco - 67% do território do município está situado em áreas de morro, onde cerca de 600 mil moradores vivem. 

“Estamos conferindo de perto o trabalho das equipes. Cada família vai receber R$ 1,5 mil do Governo do Estado e R$ 1 mil disponibilizados pela prefeitura junto com a Câmara Municipal do Recife”, explicou João Campos.

Auxílios
A lei que regulamenta o Auxílio Municipal e Estadual (AME) e autoriza o pagamento do auxílio emergencial, no valor total de R$ 2,5 mil foi assinada pelo prefeito João Campos na última quinta-feira (9) e o pagamento deve acontecer já nos próximos dias. 

Desse valor total, R$ 1 mil será a ajuda financeira dada pela Prefeitura e os outros R$ 1,5 mil do Governo do Estado. 

Além do AME, as famílias que tiveram perda total dos seus imóveis receberão o auxílio-moradia da Prefeitura do Recife, que teve o valor reajustado em 50% do valor, saindo de R$ 200 para R$ 300. O reajuste é válido, também, para famílias que já recebiam o benefício por motivos outros. 

A prefeitura tem um canal aberto via WhatsApp que também traz informações que podem ajudar: (81) 9 9117.1407.

Veja também

"Construo o que você quiser": conheça história de pedreiro sem-teto que sobrevive de artes no Recife
A VIDA NA RUA

"Construo o que você quiser": conheça o pedreiro sem-teto que sobrevive de artes no Recife

Austrália terá fábrica de vacinas de RNA mensageiro
vacina

Austrália terá fábrica de vacinas de RNA mensageiro