Gravações

Recife volta aos anos 1930 para filme sobre Maria Bonita

O RJ tem imagens das gravações no Recife Antigo

Vereador Marco Aurélio (PRTB) Vereador Marco Aurélio (PRTB)  - Foto: Anderson Barros/Câmara do Recife

As gravações do longa de ficção, “A Costureira e o Cangaceiro”, que conta a história de Maria Bonita, direto dos anos 1930, encerrou nesta terça , 8, no Recife Antigo. O diretor Breno Silveira participou das filmagens na terrinha e pediu para fechar algumas ruas do bairro para que pudessem filmar a história roteirizada por Patrícia Andrade, que vai virar cinema em 2017, e, posteriormente, minissérie da Globo.

 

Gravações no Recife Antigo

Foto: Gravações no Recife Antigo
Créditos: Bruno Campos/Folha de Pernambuco

 Aliás, as gravações ocorreram na casa de festas Barrozo, que fica na rua da Aurora, e no prédio do Santander Cultural, além de Olinda, e no município de Piranhas, em Alagoas.

O RJ tem clique da última gravação, que contou com participação de 70 figurantes e da atriz Letícia Colin, que viverá a personagem “Lindalva” filha da baronesa Margarida, que, por sua vez, é a personagem da atriz pernambucana Mônica Feijó.

Figurantes

Foto: Figurantes
Créditos: Bruno Campos/Folha de Pernambuco

Gravações no Recife Antigo

Foto: Gravações no Recife Antigo
Créditos: Bruno Campos/Folha de Pernambuco

Gravações no Recife Antigo

Foto: Gravações no Recife Antigo
Créditos: Bruno Campos/Folha de Pernambuco

 

 

Veja também

Sikêra Júnior diz que pediu para morrer no 14º dia doente
Covid-19

Sikêra Júnior diz que pediu para morrer no 14º dia doente

Praias de Ipojuca ficarão abertas das 4h às 16h para práticas esportivas individuais
IPOJUCA

Praias abertas das 4h às 16h para práticas esportivas individuais