BOEING 737-500

Recuperados dados da caixa-preta do Boeing acidentado na Indonésia

Boeing 737-500 da Sriwijaya Air teve queda repentina em menos de um minuto antes de submergir no mar de Java

Uma das caixas-pretas recuperadasUma das caixas-pretas recuperadas - Foto: Adek Berry/AFP

Os investigadores indonésios anunciaram, nesta sexta-feira (15), que conseguiram recuperar as gravações de uma das caixas-pretas do Boeing que caiu no mar com 62 pessoas a bordo no último sábado. 

As gravações "estão em boas condições e agora estamos examinando os dados", disse o chefe do Comitê de Segurança de Transporte da Indonésia, Soerjanto Tjahjono. 

Os investigadores buscam saber as razões para a queda repentina de 3 mil metros (10 mil pés) do Boeing 737-500 da Sriwijaya Air em menos de um minuto antes de submergir no mar de Java.

As caixas-pretas, que registram em particular a velocidade, a altitude e a direção da aeronave, ajudam a determinar as causas dos acidentes em 90% dos casos, segundo especialistas em aviação. 

Os mergulhadores recuperaram a primeira caixa-preta na terça-feira e, no momento, concentram-se na busca da segunda. Esta última contém gravações das conversas da cabine dos pilotos.

Cinquenta passageiros, incluindo dez menores, e 12 membros da tripulação, viajavam neste avião com destino a Pontianak, uma cidade da parte indonésia da ilha de Bornéu. 

As autoridades ainda não deram nenhuma hipótese sobre as causas que poderiam ter causado a queda desta aeronave de 26 anos de uso.

Veja também

Saúde autoriza recursos para 3,2 mil leitos de UTI
Coronavírus

Saúde autoriza recursos para 3,2 mil leitos de UTI

Joe Biden promete vacinas eficazes para todos os adultos nos EUA antes do final de maio
Vacina

Joe Biden promete vacinas eficazes para todos os adultos nos EUA antes do final de maio