Rede de pesquisa articula 36 cientistas ligados a quatro instituições

A rede pretende publicar boletins semanais com os resultados das pesquisas. Além do monitoramento das políticas de isolamento, o grupo planeja pesquisas de opinião em bairros pobres das grandes cidades

Pesquisadores desenvolvem testes na UFRJPesquisadores desenvolvem testes na UFRJ - Foto: Mauro Pimentel / AFP

O grupo de monitoramento das medidas tomadas pelos governos estaduais no combate ao coronavírus faz parte da recém-formada Rede de Pesquisa Solidária, que reúne 36 pesquisadores de quatro instituições com o objetivo de estudar os efeitos das políticas públicas adotadas para conter a epidemia.

Integram a rede pesquisadores da USP, do Cebrap (Centro Brasileiro de Análise e Planejamento), do Instituto do Coração do Hospital das Clínicas de São Paulo e do NIC.br (Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR), braço executivo do Comitê Gestor da Internet no Brasil.

Leia também:
USP desenvolve teste de materiais para construção de máscaras
Ciência brasileira volta a mostrar sua importância na luta contra o coronavírus
Centros de pesquisa vão estudar transfusão de plasma do sangue contra a Covid -19

"A ideia é produzir informação que contribua para as decisões dos gestores", diz o sociólogo Glauco Arbix, ex-presidente da Finep (Financiadora de Estudos e Projetos), do Ministério da Ciência e Tecnologia, e um dos coordenadores do grupo.

A rede pretende publicar boletins semanais com os resultados das pesquisas. Além do monitoramento das políticas de isolamento, o grupo planeja pesquisas de opinião em bairros pobres das grandes cidades e estudos sobre o impacto no mercado de trabalho e políticas de proteção social.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Janet Yellen é confirmada como primeira secretária do Tesouro americano
EUA

Janet Yellen é confirmada como primeira secretária do Tesouro americano

Biden prevê atrasos nas negociações de ajuda financeira para a pandemia
EUA

Biden prevê atrasos nas negociações de ajuda financeira para a pandemia