EUA

Republicanos citarão CEO do Twitter no Senado por bloqueio de notícia sobre Biden

O comitê judicial do Senado, onde os republicanos são a maioria, votará na terça-feira para convocar o executivo

Senadores republicanos articulam uma convocação do CEO da empresaSenadores republicanos articulam uma convocação do CEO da empresa - Foto: Karen Bleier / AFP

Senadores republicanos anunciaram nesta quinta-feira (15) que planejam convocar o CEO do Twitter, Jack Dorsey, em 23 de outubro para explicar o bloqueio de um artigo desfavorável ao candidato presidencial democrata Joe Biden.

O comitê judicial do Senado, onde os republicanos são a maioria, votará "na terça-feira para convocar Jack Dorsey para comparecer" diante desse órgão na sexta-feira seguinte, disse o senador Ted Cruz nos corredores do Congresso. 

Dorsey deve "explicar por que o Twitter está abusando de seu poder para silenciar a imprensa e cobrir acusações de corrupção", disse o legislador, acompanhado pelo chefe do comitê, Lindsey Graham, à Fox News e à C-Span. 

O Facebook e o Twitter eliminaram na quarta-feira a possibilidade de compartilhar uma notícia do jornal conservador New York Post que expõe supostos acordos corruptos na Ucrânia com base em e-mails que Hunter, filho de Joe Biden, teria escrito.

Veja também

Doria reúne ex-presidentes FHC, Temer e Sarney em encontro pró-vacina: 'Não é um ato político'
Pandemia

Doria reúne ex-presidentes FHC, Temer e Sarney em encontro pró-vacina: 'Não é um ato político'

Para 46%, Doria faz mais que Bolsonaro contra Covid-19, diz Datafolha
Coronavírus

Para 46%, Doria faz mais que Bolsonaro contra Covid-19, diz Datafolha