Notícias

Rio Doce e Ouro Preto são os bairros mais afetados pela Covid-19 em Olinda

Dos 33 bairros da cidade, 17 têm casos da doença. Rio Doce e Ouro Preto concentram 30 casos de Covid-19

Leitos na Maternidade Brites de AlbuquerqueLeitos na Maternidade Brites de Albuquerque - Foto: Divulgação

Com 91 casos confirmados do novo coronavírus até o início da tarde desta segunda-feira (13), Olinda tem registros de infectados em 17 bairros. Os locais mais afetados são Ouro Preto e Rio Doce, com 15 pacientes diagnosticados com a Covid-19 em cada. Em seguida aparecem Peixinhos, com 11, e Bairro Novo e Jardim Atlântico, cada um com nove casos. Olinda também já tem óbitos registrados em decorrência da doença. No boletim desta segunda, inclusive, foi contabilizada a morte de um homem de 41 anos, morador da cidade, e portador de leucemia.

Em Olinda está um das unidades projetadas pelo Estado para o tratamento exclusivo da Covid-19. Trata-se da Maternidade Brites de Albuquerque, que foi requerida por contrato junto à Prefeitura de Olinda e será dotada de leitos de UTI e de enfermaria. Alguns deles já estão em funcionamento desde o final da última semana.

Leia também:
Covid-19: Pernambuco soma 1.154 casos e mais de 100 mortes, entre elas a de um bebê de 7 meses
Metade dos novos casos de Covid-19 em PE são de profissionais da saúde

Distribuição dos casos de Covid-19 em Olinda

Distribuição dos casos de Covid-19 em Olinda - Crédito: Divulgação/Prefeitura de Olinda 

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Região Metropolitana tem mais de 70 abrigos para desalojados pela chuva; confira a lista completa
Ajuda

Região Metropolitana tem mais de 70 abrigos para desalojados pela chuva; confira a lista completa

Bombeiros da Paraíba vão ajudar no socorro às vítimas das chuvas em Pernambuco
Reforço

Bombeiros da Paraíba vão ajudar no socorro às vítimas das chuvas em Pernambuco