Rony: "Temos que correr um pelo outro"

Atacante do Náutico destacou a dedicação para o confronto direto contra o Vasco

VidaVida - Foto: Divulgação

O desafio diante do Vasco, no próximo sábado (01), será muito importante para a sequência do campeonato para o Náutico. A equipe alvirrubra enfrentará o líder da Série B, e para conseguir embalar o sexto resultado positivo sob o comando de Givanildo Oliveira, é preciso raça.

Pelo menos é isso que afirma o atacante Rony. Ele destaca que durante os treinos, se fala em doação para conseguir superar a "pedreira" na próxima rodada. Temos que correr os 90 minutos. Como o Rodolpho falou: tem de correr um pelo outro. Vamos dar nosso melhor, pra sair com vitória e dia 26 de novembro ficar feliz com o acesso", diz ele.

Há apenas três pontos da zona de acesso, o Timbu precisa passar pelo Vasco na Arena de Pernambuco, se quiser almejar a Série A. Sobre esses confrontos contra times da parte de cima da tabela, Rony destaca que é uma barreira que deve ser vencida. “É um tabu que precisa ser quebrado. Estávamos empatando, os outros times ganhando e agente não subia. Agora, podemos entrar no G4. Então, temos de dar tudo de si. É praticamente uma final. O Vasco é grande e nossa determinação precisa ser além do que se esperar. Será difícil, mas vamos tentar quebrar mais essa escrita”, encerra.

Veja também

Novos casos de Covid aumentam no mundo pela 1ª vez em sete semanas
Covid-19

Casos aumentam no mundo pela 1ª vez em sete semanas

Prefeitos articulam criação de consórcio para negociar compra de vacinas contra a Covid
Coronavírus

Prefeitos articulam criação de consórcio para negociar compra de vacinas contra a Covid