Brasil

Santa Catarina tem registro de tempestades severas e tornados

Eventos foram registrados na tarde de ontem e na madrugada de sábado

Fenômenos naturais causam estrago em SCFenômenos naturais causam estrago em SC - Foto: Defesa Civil/SC

Tempestades severas e tornados foram registrados em Santa Catarina, durante a tarde de sexta-feira (14) e na madrugada deste sábado (15). De acordo com a Defesa Civil do estado, foram registrados granizo, chuva forte e rajadas intensas de vento. Os municípios mais afetados foram Vargem Bonita, Catanduvas, Água Doce, Tangará e Ibicaré, onde rajadas de vento provocaram destelhamento e destruição de edificações.

Informações preliminares apontam que, em Água Doce, 700 casas foram destelhadas e 25 totalmente destruídas, 700 pessoas foram desabrigadas e 25 desalojadas. No município, 11 pessoas foram feridas, sendo duas de forma mais grave.

Em Catanduvas, 235 residências tiveram os telhados danificados e duas foram destruídas.

No município de Ibicaré foram registrados danos em três comunidades de interior, duas igrejas e dois pavilhões.

Em Tangará ocorreram destelhamentos em todos os bairros, estima-se que 90% das casas e empresas foram atingidas e cinco pessoas ficaram feridas. A Defesa Civil municipal informou que 100 pessoas estão desabrigadas e 20 desalojadas.

Já em Vargem Bonita os primeiros números apontam 1,3 mil casas com os telhados danificados, 30 pessoas estão desabrigadas e 20 desalojadas. Os levantamentos ainda estão sendo realizados e informações mais concretas ainda serão divulgadas.

Equipes do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil atuam no auxílio aos moradores atingidos. 
 

Alertas
Desde o início desta semana, o monitoramento da Defesa Civil de Santa Catarina vem divulgando informações sobre a mudança nas condições de tempo. Na última terça-feira, foi emitido um boletim de tempo adverso indicando condições de tempo instável no decorrer da semana. Nos dias seguintes, a previsão foi atualizada e diariamente foram emitidos avisos meteorológicos nos níveis de observação e atenção para temporais, com rajadas fortes de vento e risco para granizo.

Na sexta-feira (14), até as 20h, foram divulgados 16 alertas de curtíssimo prazo, elaborados com base nas imagens de radar e de satélite. Foram emitidos oito observações, sete atenções e um alerta.

Previsão do tempo
O boletim meteorológico da Defesa Civil prevê novas pancadas de chuva "por conta de uma área de baixa pressão combinada à umidade vinda da região Amazônica".

"Há chance para temporais (chuva forte com raios, eventual queda de granizo, vendaval) isolados a partir da tarde, principalmente, em áreas da porção oeste, norte e nordeste do estado", informa o boletim. 

Veja também

Biden pede que americanos enfrentem 'lobby das armas'
Estados Unidos

Biden pede que americanos enfrentem 'lobby das armas'

China enfrenta novas denúncias de abusos, durante visita de comissária da ONU
Repressão a uigures

China enfrenta novas denúncias de abusos, durante visita de comissária da ONU