São João: campanha alerta para crime ambiental na festa

Campanha São João Ambiental quer sensibilizar a população para os impactos provocados por soltura de balões e a queima de fogueiras

Madeira nativa ou de lei só pode ser vendida com autorizaçãoMadeira nativa ou de lei só pode ser vendida com autorização - Foto: André Nery / Arquivo

A Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) lançou a Campanha São João Ambiental a fim de sensibilizar a população para os impactos ambientais que podem ocorrer durante o São João. Os principais alvos são a soltura de balões e a queima de fogueiras.

A fiscalização dos pontos de venda de lenha será realizada pelo órgão ambiental, principalmente, na Região Metropolitana do Recife, dentro da sistemática que já vem sendo feita nos últimos anos, para identificar desmatamentos ilegais. A madeira nativa ou de lei, como o ipê e a embaúba, espécies da Mata Atlântica e da Caatinga, respectivamente, só pode ser vendida nesta época de São João para armação de fogueiras com a apresentação do Documento de Origem Florestal (DOF).

O comércio livre vale apenas para as espécies exóticas, ou seja, não nativas, como algaroba, mangueira, jaqueira, jambolão, castanhola e sombreiro. De acordo com a CPRH, a pena para quem vende, expõe à venda, tem depósito, adquire, transporta ou guarda madeira proveniente de desmatamentos ilegais varia de seis meses a um ano de detenção. Nesse caso, as multas aplicadas pela CPRH são de R$ 300 por unidade.

Leia também:
Caatinga: projeto do Estado prevê corte de 45 hectares
Divulgada programação oficial do São João do Recife; confira

Sobre a fabricação, venda, transporte e soltura de balões, o autuado pode ser conduzido à delegacia e responder processo criminal, cabendo pena de um a três anos de detenção. Do ponto de vista administrativo - área de atuação da CPRH -, as multas aplicadas variam de R$ 1 mil a R$ 10 mil por balão de São João apreendido. Para denunciar, basta ligar para o telefone: (81) 3182-8860.

Veja também

Pernambuco recebe mais 97 mil doses da vacina da Pfizer contra a Covid-19
Vacina

Pernambuco recebe mais 97 mil doses da vacina da Pfizer contra a Covid-19

Confira como ficam atividades e serviços com a flexibilização de restrições em Pernambuco
Plano de Convivência com a Covid-19

Confira como ficam atividades e serviços com a flexibilização de restrições em Pernambuco