'Se simularmos o que aconteceu em outros países, Recife poderia ter mais de 1.000 mortes', afirma G

Em coletiva, realizada nesta terça-feira (21), o prefeito declarou ainda que não é o momento para afrouxar a quarentena

Prefeitura do Recife garante 2 milhões de EPIs e contratação de 1346 profissionais para combate à Covid-19Prefeitura do Recife garante 2 milhões de EPIs e contratação de 1346 profissionais para combate à Covid-19 - Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR

O prefeito do Recife, Geraldo Julio, anunciou, na tarde desta terça-feira (21) que atingiu a marca de dois milhões de itens de equipamentos de proteção individual adquiridos. De acordo com o gestor municipal, esses itens já foram recebidos e já se encontram nos estoques da prefeitura. "Esses itens foram adquiridos desde o início da pandemia. Uma parcela desses itens já se encontra distribuída em todas as unidades que estão realizando o atendimento à Covid-19", afirmou.

Leia também:
Pernambuco ainda não chegou ao colapso nos leitos de UTI
PCR antecipa abertura de hospital para tratamento à Covid-19
Hospital de Referência Covid-19 é inaugurado em Pernambuco

Dentre os dois milhões de itens adquiridos, estão 450 mil unidades da máscara N95, a mais indicada para os profissionais que trabalham no combate à doença. "Houve uma grande dificuldade, no mundo todo, para realizar a aquisição dessas máscaras, mas agora já temos um estoque delas", destacou. Além dos equipamentos de proteção individual, a PCR anunciou também a contratação de 1.346 para atuar no enfretamento da doença. "Desse valor, 925 foram contratados pela prefeitura e 421 profissionais foram contratados pelas entidades que estão administrando os hospitais provisórios Recife 1, na rua Aurora, e o Recife 2, no bairro dos Coelhos", informou.

Na ocasião, Geraldo Julio não deu previsão para iniciar o afrouxamento das medidas restritivas e de isolamento social na cidade. "Não é hora de fazer nenhuma redução do isolamento, é hora de ampliar o isolamento. Se simularmos o que aconteceu em outras cidades de outros países, somente no Recife poderíamos ter mais de 1.000 mortes por conta do coronavírus", declarou o prefeito. De acordo com os contantes monitoramentos que vêm sendo realizados pela prefeitura, o índice a adesão da quarentena voltou a subir e está na casa dos 54%. "O Recife foi a primeira cidade brasileira a realizar o monitoramento através do smartphone, e esse método tem indicado que mais pessoas têm deixado de circular nas ruas. No último domingo, o indíce de isolamento social alcançou a casa dos 66%", disse. Geraldo comunicou também que a prefeitura tem utilizado drones nas localidades com maior dificuldade de acesso para incentivar o cumprimento da quarentena.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Curso aprimora habilidade de idosos para identificar fake news
Educação

Curso aprimora habilidade de idosos para identificar fake news

Polícia Rodoviária: homem é detido com 22,9 Kg de maconha após fuga em Sertânia
PRF

Polícia Rodoviária: homem é detido com 22,9 Kg de maconha após fuga em Sertânia