Servidores do CPRH iniciam greve a partir desta quarta em Pernambuco

Com a paralisação, os serviços de fiscalização, monitoramento e licenciamento ambiental ficam suspensos

Pernambuco quer mudar Pernambuco quer mudar  - Foto: Arthur de Souza

Uma greve dos servidores públicos da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) tem início na manhã desta quarta-feira (16). O movimento paredista foi deflagrado em assembleia geral da categoria no último dia 8 de novembro. Com a paralisação, os serviços de fiscalização, monitoramento e licenciamento ambiental ficam suspensos. Assim como o recebimento de animais e ouvidoria ambiental.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores Públicos da Agricultura e Meio Ambiente de Pernambuco (Sintape), a categoria busca chamar a atenção do Governo do Estado por melhores condições salariais e por valorização profissional. Os trabalhadores denunciam, ainda, o sucateamento institucional da CPRH, conforme a entidade.

Desde junho, ocorrem negociações entre o Sintape e a diretoria da Agência, a Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade e a Secretaria de Administração (SAD), porém o diálogo não avançou.

Veja também

Cadeirante morre após ser jogado de viaduto em Bauru, interior de SP
São Paulo

Cadeirante morre após ser jogado de viaduto em Bauru, interior de SP

Pesquisa revela aumento da ansiedade entre brasileiros na pandemia
Coronavírus

Pesquisa revela aumento da ansiedade entre brasileiros na pandemia