Pernambuco

Soldado morre após ser atingido por tiro em quartel do Exército em Camaragibe

Exército informou que a morte de Welton Philipe Santos da Silva, de 19 anos, foi 'decorrente de acidente de arma de fogo', que será investigado

Soldado foi socorrido para UPA da Caxangá, mas não resistiu e morreuSoldado foi socorrido para UPA da Caxangá, mas não resistiu e morreu - Foto: Divulgação

O soldado do Exército Welton Philipe Santos da Silva, de 19 anos, morreu após ser atingido por um tiro no 7º Depósito de Suprimento, localizado em Aldeia, em Camaragibe, Região Metropolitana do Recife.

Em nota, o comando da 7ª Região Militar lamentou a morte do soldado, ocorrida no sábado (27).

O Exército informou que a morte de Welton foi "decorrente de acidente de arma de fogo". A Polícia Civil de Pernambuco disse que o soldado foi "alvejado com um disparo de arma de fogo".

Ainda não foi esclarecida a origem do disparo e quem teria atirado. "Foi instaurado um inquérito policial militar para apurar as circunstâncias em que ocorreu o acidente", informou a 7ª Região Militar.

A Polícia Civil registrou a morte como "a esclarecer" e reiterou que as investigações seguirão com a Justiça Militar, uma vez que o fato ocorreu nas dependências do Exército.

Welton chegou a ser socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá, na Zona Oeste do Recife. Ele foi atendido, mas não resistiu e morreu na unidade de saúde.

"Os integrantes do Comando da 7ª Região Militar e do 7º Depósito de Suprimento sentem-se consternados pela perda e rogam a Deus pelo conforto da família enlutada", lamentou o Exército, informando que "está sendo prestado todo o apoio psicológico e religioso à família do militar".

Velório e sepultamento do corpo do soldado ocorreram no domingo (28), no Cemitério Municipal de Camaragibe.

Veja também

Servidor que acusou perseguição de Ibama após caso das girafas importadas recupera cargo na justiça
Rio de Janeiro

Servidor que acusou perseguição de Ibama após caso das girafas importadas recupera cargo na justiça

Pernambuco autoriza vacinação contra a influenza para todos os moradores a partir de seis meses
Saúde

Pernambuco autoriza vacinação contra a influenza para todos os moradores a partir de seis meses