Sport com 2017 na mira

Rubro-negros estão com base praticamente montada para a próxima temporada

Deputada estadual Priscila Krause (DEM) é autora do projetoDeputada estadual Priscila Krause (DEM) é autora do projeto - Foto: Mariana Carvalho/Divulgação

Reta final de Brasileirão, com apenas cinco rodadas que escreverão o desfecho na briga contra o rebaixamento e todo o fo­co na Praça da Bandeira vol­tado para evitar a degola. Po­rém, tem gente já pensando na temporada 2017. Com al­gumas variáveis passeando pelo que irá acontecer nes­ta Série A, o certo mesmo é que o Leão deu início ao planejamento para o ano que vem. Nesta semana, mais um jogador teve o seu contrato estendido. Dono da lateral direita desde o meio do ano passado, Samuel Xavier teve o seu vínculo alongado de maio de 2018 para dezembro de 2019. Antes, os veteranos Magrão e Durval já haviam reno­­vado por mais um ano, per­­manecendo na Ilha do Retiro até o final de 2017, com probabilidade de ambos encerrarem as suas respectivas carreiras após este período. Aliás, no que diz respeito ao se­tor defensivo o Rubro-ne­gro não deverá ter problemas para iniciar o próximo ano.

De todos os nomes envolvidos, apenas os laterais reservas Apodi e Mansur possuem contrato se encerrando no próximo mês. Os titulares Renê e Samuel Xavier, e os defensores Durval, Ronaldo Alves, Matheus Ferraz e Henríquez estão com seus vínculos assegurados na Praça da Bandeira. Desses, Samuel Xavier, Ronaldo Alves e Henríquez ficam até 2019. Já no se­tor de marcação, algumas difi­culdades, com apenas Ri­­­­thely, Ronaldo e Neto Moura com permanências asseguradas. Dos que não devem ter o contrato renovado estão Serginho e Rodrigo Mancha. Já no quesito armação, o Leão parece bem servido.

Dos nomes mais utilizados, apenas Gabriel Xavier não de­ve ter seu vínculo renovado, retornado ao Cruzeiro, co­­mo já estava previsto no acordo feito no começo deste ano. Dos que possuem vínculo, até no mínimo dezembro de 2017, peças como Die­go Sou­za, Rodney Wallace, E­verton Felipe. A única incógnita é Rogério, que tem contra­to apenas até o final do Per­­­nambucano do ano que vem. No ataque, o grande pro­­blema leo­nino. Mesmo sem agradar, apenas Reinaldo Lenis está garantido. Edmíl­son, Túlio de Melo e Vinícius Araújo não deverão ter seus respectivos vínculos reno­vados. Para completar o ar de suspense, nem mesmo o treinador leonino sabe se per­manecerá no cargo. Por um simples fato: eleição. “Já come­çamos a planejar 2017, ape­sar do foco principal ser es­ta reta final de Brasileirão. É preciso pensar na frente. Estamos fazendo todo o planejamento pa­ra quem assumir ou, se eu mesmo permanecer, já ter algumas situações a­dian­­tadas. Mas sabemos que tu­do vai depender muito do re­sultado nas eleições”, comen­tou André Zanotta, executivo de futebol rubro-negro.

Veja também

Jornalista mexicano é assassinado na fronteira com os EUA, o sexto em 2020
Mundo

Jornalista mexicano é assassinado na fronteira com os EUA, o sexto em 2020

Astrônomos detectam planeta errante do porte da Terra vagando pela Via Láctea
Universo

Astrônomos detectam planeta errante do porte da Terra vagando pela Via Láctea