Música

Spotify fecha escritório na Rússia e limita acesso da mídia estatal

A plataforma, no entanto, mantém seu serviço aberto para os usuários russos

SpotifySpotify - Foto: Reprodução

O Spotify, gigante do streaming de música, anunciou nesta quarta-feira (2) o fechamento de seu escritório na Rússia e limitações de acesso ao conteúdo publicado pela mídia estatal russa, em resposta ao "ataque não provocado contra a Ucrânia".

"Fechamos nosso escritório na Rússia até segunda ordem", declarou em comunicado a empresa, com sede em Estocolmo, mas com capital aberto na Bolsa de Nova York.

A empresa indicou que analisou "milhares de episódios de podcast desde o início da guerra" e que limitou a capacidade dos usuários de encontrar programas produzidos por meios vinculados ao Estado russo.

Dias atrás, o Spotify anunciou a retirada de todo o conteúdo dos meios de comunicação estatais russos ET e Sputnik da União Europeia e de outros mercados.

A plataforma, no entanto, mantém seu serviço aberto para os usuários russos. "Acreditamos ser da maior importância que nosso serviço esteja disponível na Rússia para permitir um fluxo global de informação", indicou.  

Veja também

Casa real britânica não divulgará relatório de "assédio" de Meghan Markle
Família real

Casa real britânica não divulgará relatório de "assédio" de Meghan Markle

YouTube tira do ar o canal da Assembleia Legislativa de SP após vídeo negacionista sobre Covid
Negacionismo

YouTube tira do ar o canal da Assembleia Legislativa de SP após vídeo negacionista sobre Covid