Suspeitos de participação na morte de maquiador em Moreno são levados a presídios

Prisões em flagrante foram convertidas em prisões preventivas

Maquiador foi vítima de crime bárbaro em MorenoMaquiador foi vítima de crime bárbaro em Moreno - Foto: Reprodução/Instagram

Dois dos suspeitos de participação na morte do maquiador Henrique de Deus, de 25 anos, passaram por audiência de custódia nessa quarta-feira (22) e tiveram suas prisões em flagrante convertidas em prisões preventivas.

Segundo o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), as audiências foram realizadas na Central de Audiências de Custódia do Fórum de Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife (RMR). O crime ocorreu na terça-feira (21), em Moreno, também na RMR.

Leia também:
Maquiador é morto e tem cabeça e pênis decepados em Moreno; amiga é presa
Mais dois suspeitos de morte de maquiador em Moreno são presos; adolescente é apreendido

Thaison José Silva da Paz, de 20 anos, foi encaminhado ao Centro de Observação e Triagem Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, na RMR. Já Bárbara Myrelle Nunes Santos, 22, foi levada à Colônia Penal Feminina Bom Pastor, no bairro da Iputinga, Zona Oeste do Recife. Segundo investigações iniciais da polícia, Bárbara, que seria melhor amiga de Henrique de Deus, teria atraído o maquiador para o local onde foi morto com mais de 50 facadas.

O crime teria sido executado por Thaison José, um adolescente de 17 anos e outro homem, de identidade ainda não revelada, de 19 anos. As investigações do assassinato prosseguirão sob responsabilidade do delegado Cláudio Neto, titular da 13ª Delegacia de Polícia de Homicídios (DPH), do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). O corpo de Henrique foi sepultado no cemitério municipal da cidade de Moreno.

O cabeleireiro foi assassinado com mais de 50 facadas, teve a cabeça e pênis decepados e um cachimbo introduzido no ânus. A barbaridade do crime chocou os moradores da cidade.

Veja também

"Tomem a vacina que a esperança não deixa de acabar", disse a primeira vacinada em Pernambuco
Coronavírus

"Tomem a vacina que a esperança não deixa de acabar", disse a primeira vacinada em Pernambuco

Momento histórico: vacina contra a Covid-19 é aplicada pela primeira vez em Pernambuco
Coronavírus

Momento histórico: vacina contra a Covid-19 é aplicada pela primeira vez em Pernambuco