Takahashi fica com o bronze no tênis de mesa

Brasileira não conseguiu superar a porto-riquenha Adriana Diaz e perdeu por 4 sets a 0

Bruna TakahashiBruna Takahashi - Foto: Abelardo Mendes Jr/ rededoesporte

A mesa-tenista Bruna Takahashi ficou com a medalha de bronze individual nos Jogos Pan-Americanos Lima 2019. Nesta quarta-feira (7), ela não conseguiu superar a porto-riquenha Adriana Diaz, que fechou o placar com fáceis 4 sets a 0 (com parciais de 11/9, 11/8, 11/3 e 11/4).

Adriana, fenômeno em seu país, enfrentará na final a americana Yue Wu, que venceu de virada a também porto-riquenha Melanie Diaz por 4 sets a 2 (com parciais de 8/11, 11/5, 10/12, 11/6, 11/6 e 11/5). As finais do tênis de mesa, feminina e masculina, serão disputadas ainda nesta quarta, a partir das 20h (horário de Brasília), no Complexo Esportivo de La Videna.

Bruna já soma três medalhas em Lima. Uma de prata, na dupla mista ao lado de Gustavo Tsuboi, e dois bronzes - o outro foi na dupla feminina ao lado de Jéssica Yamada. Ainda na tarde desta quarta-feira, Hugo Calderano, ouro na dupla masculina com Tsuboi, enfrenta o canadense Eugene Wang em busca de mais um vaga na disputa do ouro. A outra semifinal masculina será entre o americano Kanak Jha e o jogador da República Dominicana, Juaji Wu.

Leia também:
Brasileiros perdem na final das duplas mistas no Pan
Brasil ganha ouro no conjunto da ginástica rítmica no Pan


Bruna volta a defender o Brasil nesta quinta-feira (8), na competição por equipe com Jéssica Yamada e Caroline Kumahara. O Brasil enfrentará o México, a partir das 12h (horário de Brasília) na disputa por equipe feminina.

Veja também

Cia aérea oferece teste PCR grátis nos voos entre Brasil e Europa
Pandemia

Cia aérea oferece teste PCR grátis nos voos entre Brasil e Europa

Eclipsado pela Covid, sarampo se alastra pelo Amapá e provoca duas mortes de bebês
Surto

Eclipsado pela Covid, sarampo se alastra pelo Amapá e provoca duas mortes de bebês