Pernambuco

Telescópio de Itacuruba, no Sertão de Pernambuco, capta imagens do cometa Neowise

Objeto espacial foi capturado pela equipe do Observatório Astronômico do Sertão de Itaparica (Oasi)

Cometa foi registrado pelo telescópio de ItacurubaCometa foi registrado pelo telescópio de Itacuruba - Foto: Divulgação

Instalado em Itacuruba, no Sertão de Pernambuco, um telescópio ótico com 1 metro de diâmetro capturou imagens do cometa Neowise. A informação é do Observatório Astronômico do Sertão de Itaparica (Oasi), que divulgou os registros nesta sexta-feira (31).

As imagens foram capturadas na última segunda-feira (27). Apesar da boa localização do observatório, a posição do cometa, muito baixo no horizonte ainda iluminado pelo Sol, dificultou o uso da câmera para realizar imagens.

Apesar da dificuldade técnica, a equipe que conduzia a observação conseguiu fazer as imagens que destacam a atividade nas proximidades do núcleo do cometa, envolto pela coma -  nuvem de poeira e gás que circunda o núcleo cometário -, e a cauda.

 

Durante a observação, o Neowise estava a uma distância de aproximadamente 108 milhões de quilômetro da Terra e com uma magnitude aparente - unidade de medida do brilho - de 5,1. 

As imagens foram realizadas em distintos tempos de exposição e filtros. Para as imagens coloridas, foram usadas cores reais obtidas pela integração dos filtros.

 

Cometa foi registrado pelo telescópio de ItacurubaCometa foi registrado pelo telescópio de Itacuruba (Foto: Divulgação)

Neowise
Batizado de C/2020 F3, o cometa foi descoberto em 27 de março de 2020 pelo programa Neowise (Near-Earth Object Wide-field Infrared Survey Explore), da Agência Espacial Americana (Nasa). A aproximação máxima do Sol, chamada de periélio, ocorreu em 3 de julho e a máxima aproximação da Terra foi em 23 de julho.  

Veja também

Próximo de ter a obra concluída, Hospital da Pessoa Idosa recebe visita do prefeito Geraldo Julio
Hospital da Pessoa Idosa

Próximo de ter a obra concluída, Hospital da Pessoa Idosa recebe visita do prefeito Geraldo Julio

Médicos especialistas do Rio embarcam para ajuda humanitária no Líbano
Beirute

Médicos especialistas do Rio embarcam para ajuda humanitária no Líbano