Tentativa de assalto a joalheria deixa cinco pessoas feridas em Vitória de Santo Antão

Crime aconteceu no início da tarde desta segunda. Houve tumulto por conta da grande movimentação na cidade

Crime aconteceu na tarde desta segunda-feiraCrime aconteceu na tarde desta segunda-feira - Foto: Reprodução/WhatsApp

Moradores e comerciantes de Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata de Pernambuco, viveram momentos de terror no início da tarde desta segunda-feira (23). Dois homens armados anunciaram um assalto a uma joalheria localizada na Praça Duque de Caxias, no centro do município, por volta do meio-dia, segundo o subtenente Bezerra Júnior, do 21º Batalhão da Polícia Militar.

Segundo a PM, os criminosos efetuaram diversos disparos, que atingiram o segurança da joalheria, um funcionário da loja, um mototaxista e duas mulheres que estavam no meio da rua. Houve tumulto por conta da grande movimentação na cidade e os assaltantes conseguiram fugir. Os homens, no entanto, não levaram nenhum objeto da loja.

O segurança Helenilson Fereira dos Santos, de 39 anos, que foi atingido por um disparo no abdômen, foi socorrido, inicialmente, para o Hospital João Murilo de Oliveira e, em seguida, transferido para o Hospital da Restauração, no bairro do Derby, na área Central do Recife. O ferimento não atingiu nenhum órgão e a vítima passa bem.

Já Felipe Valdemir Rodrigo dos Santos, de 20 anos, tinha ido ao centro da cidade para almoçar quando também foi atingido, no abdômen, por bala perdida. Ele também foi levado para o Hospital João Murilo de Oliveira e transferido para o Hospital da Restauração. O jovem passa bem.

As outras três vítimas - Erivaldo, Adelma e Severina Laurentino - foram atendidas no Hospital João Murilo. As duas mulheres já receberam alta, mas o homem, que é mototaxista, ainda permanece em observação. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Veja também

Grandes organizações internacionais pedem para priorizar vacinação em países pobres
Vacinação

Grandes organizações internacionais pedem para priorizar vacinação em países pobres

Brasil bate a marca de 100 milhões de pessoas vacinadas
Vacinação

Brasil bate a marca de 100 milhões de pessoas vacinadas