Terminal Integrado Xambá recebe ação para combater intolerância religiosa

Evento ocorre na manhã do domingo com coral infantil, arrastão cultural entre outras atividades

Orquestra infantilOrquestra infantil - Foto: Divulgação

No Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, o Terminal Integrado Xambá, em Olinda, recebe uma ação para combater a intolerância. O evento, que ocorre na manhã deste domingo (21) e conta com coral infantil, plantio de árvores e um arrastão cultural, está circulando pelo bairro até o TI Xambá. A ideia foi criada pela parceria entre o Grande Recife Consórcio de Transporte e grupos religiosos.


O encontro, que parte de uma solicitação da própria comunidade, tem como objetivo debater o preconceito. "Hoje temos aqui representantes de várias religiões", diz Marcus Petrônio Iglesias, gerente de Relacionamentos do Consórcio. "Temos a orquestra da Igreja Batista, temos instrumentos de percussão. É um momento para celebrar e ao mesmo tempo protestar contra esse sentimento de intolerância que muitas vezes verificamos no dia a dia, nas redes sociais e nas amizades", destaca.


"Começamos a ação em outubro de 2017, quando recebemos uma demanda da comunidade de Xambá", explica Marcus. "Aqui no Terminal integrado havia intolerância religiosa, então utilizamos nossa equipe de educação e estamos levando debates e oficinas para escolas públicas e privadas no entorno do TI Xambá, que foram visitadas por técnicos e pedagogos para falar sobre intolerância e sobre respeito", ressalta.

Leia também
O avanço da intolerância pode ser impedido
Livro retrata intolerância e religiosos cobram plano de combate à violência


Veja também

Julho Amarelo: mês de conscientização das hepatites virais
Saúde e Bem-estar

Julho Amarelo: mês de conscientização das hepatites virais

Terceiro policial envolvido na morte de Floyd paga fiança de US$ 3,9 milhões e deixa prisão
Crime

Terceiro policial envolvido na morte de Floyd paga fiança de US$ 3,9 milhões e deixa prisão