Trecho da BR-101 em Jaboatão é interditado para obras

Segundo o Departamento de Estradas e Rodagens, a previsão é de que a obra seja concluída em um mês

Uma nova etapa das obras de requalificação e reestruturação da BR-101 está sendo executada a partir desta quinta-feira (22).Uma nova etapa das obras de requalificação e reestruturação da BR-101 está sendo executada a partir desta quinta-feira (22). - Foto: Vinícius Lucena/ Portal FolhaPE

Uma nova etapa das obras de requalificação e reestruturação da BR-101 está sendo executada a partir desta quinta-feira (22). O trecho entre os quilômetros 82,3 e 81,6, em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife (RMR), sofreu alterações com as novas interdições. Segundo o Departamento de Estradas e Rodagens, a previsão é de que a obra seja concluída em um mês.

O trecho de 500 metros teve a pista norte interditada. Por isso, os motoristas que trafegam pela rodovia devem estar atentos às alterações. Os veículos que vêm da região sul com destino à Zona Sul da Região Metropolitana e Centro devem seguir pela faixa única da direita e continuar após desvio até a Estrada da Batalha.

Leia também:
Obra desativa estação de BRT e altera parada de ônibus na Conde da Boa Vista
Finalizada a primeira etapa de requalificação da Conde da Boa Vista

Os que seguem para a Zona Norte devem seguir por uma das faixas da via (central e esquerda) até entrar à esquerda no desvio, cruzar a Estrada da Batalha, onde está instalado um semáforo provisório, e entrar à direita na pista oposta, pintada com uma faixa contínua refletiva amarela para separar o tráfego em mão dupla, e seguir até retornar à pista em sentido único.

Para quem vem da Região Norte com destino às demais áreas do Sul de Pernambuco e de outros estados, a partir do km 81,6, seguirá apenas pela faixa direita da pista até cruzar o desvio e continuar no sentido único nas duas faixas da rodovia.

Os motoristas que passaram pelo local reclamaram dos transtornos causados pelas obras. Entre as queixas, estão a demora na conclusão das obras e o tráfego lento na rodovia. Ailton do Nascimento, 63, é motorista de táxi e trabalha no trecho contemplado com a obra. Para ele, as intervenções são válidas, mas acontecem em um ritmo lento. “Eu fazia o trajeto de casa para o trabalho em um intervalo entre 5 e 10 minutos, hoje levo de 40 minutos até uma hora”, disse o taxista, que ainda reclamou da lentidão no andamento das obras.

Alvânio Monteiro, 46, trabalha com transporte de cargas e passa diariamente no trecho. O motorista relatou que os congestionamentos na área são frequentes. “A gente atrasa demais por conta dessas mudanças no trânsito, espero que essa situação se resolva rapidamente”, disse.

De acordo com o DER, as intervenções na pista principal da BR-101 estão previstas para serem concluídas no final deste ano. As obras contam investimento aproximado de R$ 192 milhões, oriundo de um convênio firmado entre os governos federal, através do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e o estadual, pelo DER-PE.

Veja também

Entretenimento com animais silvestres traz riscos à saúde, diz ONG
meio ambiente

Entretenimento com animais silvestres traz riscos à saúde, diz ONG

Justiça da Bolívia anula ordem de prisão contra Evo Morales
internacional

Justiça da Bolívia anula ordem de prisão contra Evo Morales