Três anos depois, João Ananias reencontra Dado Cavalcanti

Volante prata da casa ganhou mais chances no Timbu na primeira passagem do treinador em 2014

Deputado estadual Waldemar Borges (PSB)Deputado estadual Waldemar Borges (PSB) - Foto: Roberto Soares/Alepe

Revelado nas categorias de base do Náutico, o volante João Ananias reencontrou um dos treinadores que mais lhe deu oportunidade no começo da carreira: Dado Cavalcanti. Apesar disto, muito mudou desde a primeira passagem de Dado no Náutico. Ao menos é o que garante o jogador.

"Eu já conheço o trabalho de Dado. É um treinador bastante competente. Mas ele só vai me colocar no time dependendo do que eu apresentar para ele agora no meu trabalho. 2014 já passou, já era, em 2017 é um trabalho diferente", comentou João.

Os trabalhos no CT Wilson Campos, na Guabiraba, foram iniciados no Timbu na última segunda-feira (02), mas em pouco tempo, a presença do novo treinador tem agradado os jogadores, até os que já o conheciam. "Está sendo um trabalho diferente, coletivo. Essa semana foi bastante cansativa, mas deu para conhecer o grupo", completou João.

Um dos mais experientes, o volante falou sobre a manutenção da base de 2016, ao menos no meio-campo, o que ajudaria no trabalho de Dado Cavalcanti para 2017. "A base do time passa pelo meio. O Náutico soube segurar as peças importantes, como o Marco Antônio, Rodrigo Souza, Maylson. É bastante importante para o entrosamento do time", encerrou.

Veja também

Codecipe registra seis desalojados e sete desabrigados após chuvas do fim de semana

Codecipe registra seis desalojados e sete desabrigados após chuvas do fim de semana

Bolsonaro diz que Fiocruz entrega mais 18 milhões de vacinas esse mês

Bolsonaro diz que Fiocruz entrega mais 18 milhões de vacinas esse mês