Uber ganha concorrente made in Pernambuco

Driver Go começa a funcionar esta terça no Grande Recife com promessa de itens de segurança a mais para usuários e motoristas

Driver GoDriver Go - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

Fazendo jus ao polo tecnológico que abriga em sua capital, Pernambuco vem se mostrando, cada vez mais, como um celeiro de softwares voltados à mobilidade urbana. Após o T81, lançado no ano passado, entra em operação hoje no Grande Recife, o Driver Go. O aplicativo oferece os mesmos serviços do Uber, o mais conhecido da modalidade no Brasil, mas promete melhorias em itens considerados “pontos fracos” do concorrente, como a tarifa dinâmica e procedimentos de segurança. O app foi idealizado por seis pernambucanos que já trabalharam no setor como motoristas.

As tarifas do Driver Go serão as mesmas do Uber: R$ 2,50, a inicial (equivalente à bandeirada do táxi), mais R$ 1,17 por quilômetro rodado e R$ 0,16 por minuto de deslocamento. O valor mínimo da corrida também é de R$ 6. A diferença, no entanto, é que o usuário não terá que pagar nenhuma taxa se desistir do trajeto antes de embarcar.

Para os motoristas, também há ganhos. “Eles terão que pagar uma mensalidade de R$ 200 e só. É diferente do Uber, por exemplo, que fica com 25% de cada corrida. Impacta a renda dos motoristas”, diz o diretor de expansão do Driver Go, Liemerson Jorge, acrescentando que o fato de não ter tarifa dinâmica é uma das vantagens. “Deixa de haver aqueles preços exorbitantes que víamos”, completa.

No quesito segurança, o novo app promete fazer uma checagem de antecedentes criminais de todos os motoristas que quiserem se cadastrar. Já na operação, eles poderão ver a foto e dados de algum documento oficial do passageiro que solicitou a corrida, itens cadastrados previamente pelo usuário que baixar o aplicativo. Quem solicitar o serviço poderá ter acesso não só à foto do condutor e à placa do carro, mas também à imagem do veículo. “Fomos em busca de suprir as queixas das pessoas em relação ao aplicativo em que operávamos. Quando começou a morrer motorista, a morrer passageiro, vimos que essas eram necessidades”, afirma Jorge, referindo-se aos assassinatos de três parceiros do Uber, em março deste ano, no Grande Recife, durante atentados que a polícia acredita terem como alvos pessoas que estavam nos carros como passageiras.

No mais, o Driver Go mantém as mesmas características de seu principal concorrente: admite veículos a partir do modelo 2008, com quatro portas e ar condicionado. Também terá categorias diferentes do serviço. A que será lançada hoje é a Driver, com previsão de corridas até 40% mais baratas que as de táxi. Para junho, está prevista a Dri­­ver Executivo, com carros de luxo e tarifas mais caras, ainda não divulgadas. Cerca de 1,7 mil motoristas já estão aptos a oferecer trajetos pelo app, que estará disponível para Android e iOS e, em breve, será lançado em Maceió e João Pessoa.

UFRPE
Outra experiência que une mobilidade e tecnologia é o Carona Phone, desenvolvido por alunos da Universidade de Brasília (UnB) e em fase de testes na Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). O app está disponível para Android só para estudantes e funcionários da instituição. A ideia é que quem estiver a caminho ou saindo da universidade de carro possa ser solicitado, via geolocalização, por interessados em fazer o percurso.

“Morava em Candeias e fazia o trajeto até Dois Irmãos. Pensei em desenvolver um app que conectasse as pessoas para oferecer carona, mas vi que já existia o modelo”, diz o professor do Departamento de Ciências Florestais da UFRPE Emanuel Araújo, que trouxe o case para o Estado.

Gigante prepara novidades
Mesmo diante da concorrência desse e de outros aplicativos já lançados no Brasil e no mundo, a Uber tem buscado lançar ações para atrair clientes nos últimos meses. Hoje, mesmo dia do lançamento do Driver Go, por exemplo, o CEO da empresa no Brasil, Guilherme Telles, anunciará um novo pacote de ações para complementar a mobilidade nas regiões periféricas e metropolitanas do Recife, de Fortaleza e de Salvador. A expectativa é por um novo serviço ou condições de tarifa diferenciadas.

No início deste mês, o app Uber já havia iniciado operação em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, na modalidade UberX, com carros de modelo a partir de 2008. Já para aumentar a segurança durante as corridas, a empresa lançou recentemente um procedimento de verificação de identidade em tempo real, por meio de uma selfie feita pelos motoristas para comprovar que estão dirigindo o carro solicitado por determinados passageiros.

Veja também

Hospital Regional de Coari registra sete mortes pela Covid-19 por falta de oxigênio
Amazonas

Hospital Regional de Coari registra sete mortes pela Covid-19 por falta de oxigênio

'Rezem' pela equipe de Biden, diz Trump em seu último dia na Presidência
Estados Unidos

'Rezem' pela equipe de Biden, diz Trump em seu último dia na Presidência