Ubers criam associação em Pernambuco

A informação é do presidente da recém criada Associação dos Motoristas Autônomos e Usuários de Pernambuco (Amaupe), Dárcio Júnior, 35 anos.

Silvério PessoaSilvério Pessoa - Foto: Ivanildo Machado/Divulgação

  Um grupo de ubers que se mobilizou para a regulamentação do transporte em Pernambuco fundou, nesta segunda-feira (10), uma entidade de classe com o objetivo de atuar de maneira mais organizada pelos direitos desses trabalhadores. A informação é do presidente da recém criada Associação dos Motoristas Autônomos e Usuários de Pernambuco (Amaupe), Dárcio Júnior, 35 anos.

“Somos um grupo que se mobilizou e diante do interesse em lutar pela causa, resolvemos defender a classe com mais força e de maneira mais organizada”, explicou o líder da categoria no Estado.

Apoiados pelo Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol), a primeira ação da Amaupe será organizar um mutirão jurídico na sede do Sindicato, em Santo Amaro, área central do Recife. Evento ocorre a partir das 18h desta segunda-feira.

“O mutirão é para pedido de liminares individuais para motoristas que atuam na Região Metropolitana do Recife (RMR)”, explicou Gislayne Jayce, 30.

Na última sexta-feira (7), uma liminar concedida pelo juiz da 7ª Vara da Fazenda Pública da Capital, Haroldo Carneiro Leão, permitiu aos motoristas ligados à Uber de circularem no município. Pedido foi realizado pela própria empresa, mas só vale para a Capital pernambucana.

A Amaupe se une a movimentos a favor do transporte alternativo, a exemplo da Associação dos Motoristas Autônomos de Transporte Individual Privado de Passageiros (Amatipe).

 

Veja também

Trump diz que manterá política migratória em relação ao México
EUA

Trump diz que manterá política migratória em relação ao México

Neste feriado, Hemato faz convite para abastecer seus estoques de sangue
Doação de sangue

Neste feriado, Hemato faz convite para abastecer seus estoques de sangue