Guerra na Ucrânia

Ucrânia denuncia 'erro' da Alemanha após retirada da bandeira ucraniana em Berlim

Temendo brigas a polícia anunciou que proibiria a exibição de bandeiras ou símbolos militares durante as comemorações do fim da Segunda Guerra Mundial

Bandeira da UcrâniaBandeira da Ucrânia - Foto: Thomas Coex/AFP

A Ucrânia denunciou neste domingo(8) um "erro" da Alemanha depois que a polícia de Berlim ordenou a retirada de uma bandeira ucraniana em um protesto contra a invasão russa

"Berlim cometeu um erro ao banir os símbolos ucranianos", lamentou o ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba, no Twitter. 

"É um ataque a todos aqueles que atualmente defendem a Europa e a Alemanha da agressão russa", acrescentou. 

"Para que uma comemoração pacífica e digna, nossos colegas garantiram que uma bandeira ucraniana de cerca de 25 metros de comprimento fosse enrolada", tuitou a polícia de Berlim. 

Temendo brigas, principalmente de ativistas pró-Rússia, a polícia anunciou na sexta-feira que proibiria a exibição de bandeiras ou símbolos militares em quinze lugares da capital alemã durante as comemorações do fim da Segunda Guerra Mundial, que continuarão na segunda-feira.

A decisão provocou protestos, especialmente na comunidade ucraniana, com o embaixador da Ucrânia na Alemanha, Andrij Melnyk, chamando-a de "escandalosa" e "um tapa na cara da Ucrânia".

Veja também

Mulher dá a luz em banheiro do Shopping Recife, na Zona Sul da capital pernambucana
Parto

Mulher dá a luz em banheiro do Shopping Recife, na Zona Sul da capital pernambucana

Trump diz que sua casa na Flórida foi alvo de buscas do FBI
EUA

Trump diz que sua casa na Flórida foi alvo de buscas do FBI