Guerra na Ucrânia

Ucrânia perde até 100 soldados por dia na guerra contra a Rússia, diz Zelensky

Tropas russas buscam tomar a região de Luhansk, no extremo leste do país

Volodymyr Zelensky, presidente da UcrâniaVolodymyr Zelensky, presidente da Ucrânia - Foto: Handout / UKRAINIAN PRESIDENTIAL PRESS SERVICE / AFP

Entre 60 e 100 soldados ucranianos são mortos e outros 500 feridos todos os dias no campo de batalha contra a Rússia, disse o presidente ucraniano, Volodimir Zelensky, em uma entrevista publicada nesta quarta-feira (1º).

"A situação no leste é muito difícil", afirmou Zelensky ao grupo de notícias americano Newsmax.

"Estamos perdendo de 60 a 100 soldados por dia, mortos em ação, e cerca de 500 pessoas feridas em ação", disse o presidente de 44 anos, segundo um intérprete.

O alto nível de perdas ocorre quando as tropas ucranianas tentam bloquear uma poderosa concentração de forças russas que buscam tomar a região de Luhansk, no extremo leste do país.

Parece que as forças russas estão perto de tomar a cidade de Severodonetsk, após um longo cerco com artilharia pesada e bombardeio aéreo.

"Mantemos nossos perímetros defensivos" no leste, disse Zelensky.

As indicações do campo de batalha também sugerem que a Rússia sofreu baixas significativas.

O governo ucraniano estimou na semana passada que os russos perderam mais de 30.000 soldados desde que a invasão começou em 24 de fevereiro.

Veja também

"Construo o que você quiser": conheça história de pedreiro sem-teto que sobrevive de artes no Recife
A VIDA NA RUA

"Construo o que você quiser": conheça o pedreiro sem-teto que sobrevive de artes no Recife

Austrália terá fábrica de vacinas de RNA mensageiro
vacina

Austrália terá fábrica de vacinas de RNA mensageiro