UFPE testará 2 mil exames de Covid-19 por semana a partir desta terça

Reforço na testagem foi divulgado na manhã desta segunda-feira (25) pelo prefeito do Recife, Geraldo Julio

Prefeito do Recife, Geraldo JulioPrefeito do Recife, Geraldo Julio - Foto: Reprodução/Internet

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) realizará exames do tipo RT-PCR para Covid-19 a partir desta terça-feira (26). O reforço na testagem foi divulgado na manhã desta segunda-feira (25), durante coletiva de imprensa virtual realizada pelo prefeito do Recife, Geraldo Julio, que também falou sobre a possível antecipação de feriados na capital pernambucana nos próximos dias.

A ação de aumento das testagens faz parte do plano municipal de enfrentamento à pandemia. Serão realizados dois mil exames semanalmente em laboratórios da UFPE. “Esse é o resultado de uma soma de esforços. A Universidade já está pronta para realizar esses exames. Já realizou alguns em caráter experimental, e a partir de amanhã [terça-feira] passa a realizar, diariamente, uma quantidade significativa de exames tipo RT-PCR, que é o mais confiável para o acompanhamento da Covid-19”, informou o prefeito Geraldo Julio.

Leia também:
Com 30 leitos, hospital de campanha é inaugurado em Goiana, na Zona da Mata Norte
Câmara do Recife vota requerimento para antecipar feriados municipais
Recife registra melhor isolamento social entre capitais


Segundo o reitor da UFPE, Alfredo Gomes, a parceria da UFPE com a Prefeitura do Recife permite que a instituição aprofunde os estudos sobre o comportamento do vírus. “Estamos à disposição para outras iniciativas. A universidade vem nessa luta não apenas fazendo testes, mas desenvolvendo outras pesquisas como o sequenciamento genético. O Hospital das Clínicas também faz parte do plano de contingenciamento da Cidade e do Estado”, afirmou Alfredo Gomes.

O prefeito Geraldo Julio também comentou durante a coletiva que o Recife passou a ser a capital com maior índice de isolamento social do País. “Isso significa dizer que mais vidas foram salvas por essa atitude de todos que cumprem o isolamento”, disse o prefeito, que não acredita na prorrogação da quarentena rígida no Recife.

“O momento mais adequado para fazer esse fechamento mais rígido era exatamente nessa segunda quinzena de maio. Queremos tomar todas as atitudes que possam ajudar a salvar vidas através do isolamento, que é o instrumento mais forte para o enfrentamento da pandemia no mundo inteiro”, afirmou Geraldo Julio.

O prefeito disse ainda que mesmo com a possível não prorrogação da quarentena, a reabertura de locais públicos não vai ser possível. “Nós continuamos analisando o isolamento rígido nesses 15 dias, com a possibilidade de antecipação dos feriados nas próximas semanas”, disse o prefeito, informando que cinco processos de aquisição de respiradores estão em andamento e um acordo judicial homologado por um juiz vai permitir que 200 aparelhos cheguem ao Recife nos próximos dias, aumentando a capacidade de atendimento.

Segundo o secretário de saúde do Recife, Jailson Correia, estão ativos nos sete hospitais de campanha construídos pela Prefeitura 727 leitos, sendo 125 de UTI e 602 leitos de enfermaria, e que 337 pessoas estão internadas em enfermarias e 102 pessoas em UTIs.

“Nossa meta é chegar a 1.075 leitos, dos quis 334 leitos de UTI e 741 de enfermaria. Essa proporção de UTI para leitos de enfermaria não se vê em nenhuma outra cidade ou estado brasileiro pelo esforço que a Prefeitura tem feito. Cada respirador chegando, será imediatamente colocado em funcionamento”, afirmou Jailson Correia.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Com ressalvas, TCE aprova contas de Doria e cobra transparência em gastos com CoronaVac
São Paulo

Com ressalvas, TCE aprova contas de Doria e cobra transparência em gastos com CoronaVac

Decreto de Bolsonaro libera militares da ativa em cargos do governo por tempo indeterminado
Militares

Decreto de Bolsonaro libera militares da ativa em cargos do governo por tempo indeterminado