Uma sexta-feira de incertezas para os usuários de metrô

Devido a um rompimento de cabo, as estações Alto do Céu, Curado, Rodoviária, Cosme e Damião e Camaragibe estão fechadas e sem previsão para normalizar o serviço

[610] Metrô[610] Metrô - Foto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco

Esta sexta-feira (6) é um dia de incertezas e mais transtornos para os usuários do Metrô. Por conta de um rompimento de cabo próximo à estação Curado, desde o início da manhã da quinta-feira (5) foi interrompida a operação no trecho entre as estações Coqueiral e Camaragibe. No fim da tarde, a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) informou que estava atuando para solucionar o problema e não tinha previsão para o retorno das operações no Ramal Camaragibe.

"Permanecem fechadas as estações Alto do Céu, Curado, Rodoviária, Cosme e Damião e Camaragibe. A Estação Coqueiral funciona parcialmente, pois também atende o Ramal Jaboatão da Linha Centro do Metrô do Recife que está em funcionamento, assim como as Linhas Sul e VLT", informou a CBTU em nota. Vale lembrar que na segunda e terça-feira da semana passada, o mesmo trecho ficou sem operar após falhas na alimentação dos trens pouco após a Estação Coqueiral.

Leia também:
Grupo pede esclarecimentos sobre ônibus queimados no Grande Recife
No Dia do Ciclista, campanha alerta sobre uso seguro da bicicleta


A operadora de caixa Ana Paula Ataíde, 42 anos, foi pega de surpresa quando chegou na estação Central na quinta-feira à noite. Moradora de São Lourenço da Mata, na Região Metropolitana, ela disse que seu desejo era chegar logo em casa para poder descansar, após um longo dia de trabalho. "Vou ter que voltar andando até a avenida Guararapes para pegar o BRT. Se normalmente chego em casa por volta das 19h, sei que hoje vou chegar no mínimo perto das 20h, pois vou ter que encarar o trânsito", comentou.

Assim como Ana Paula, inúmeros usuários do metrô precisaram recorrer a outras alternativas para voltar para casa. O manutencista Alex Gomes, 19, por exemplo, teve que mudar toda a sua rota. "Moro em Paudalho e todos os dias venho para o trabalho no Centro do Recife de metrô. Agora, vou ter que pegar um ônibus, pagar uma passagem bem mais cara de R$ 6,50 e ainda vou passar mais tempo no deslocamento por conta dos engarrafamentos", lamentou.

Já o vendedor Emerson Weydson, 29, optou por usar o BRT. Ao chegar na avenida Guararapes, ele se deparou com uma estação já super lotada por acumular a demanda diária dos ônibus com as pessoas vindas do metrô. "Situação bastante complicada a do usuário. Os problemas no transporte público estão cada vez mais recorrentes. Mas as tarifas anualmente não deixam de aumentar", disse.

Segundo a CBTU, de janeiro a julho deste ano, o Metrô do Recife parou mais de 70 vezes. Em média, neste período, foram pouco mais de dez problemas a cada 30 dias. Comparação com os sete primeiros meses do ano passado, houve uma alta de 28%, pois naquele período houve 57 falhas. Mesmo diante de um cenário de sucateamento, os usuários do sistema terão que pagar mais caro pela tarifa, a partir do próximo domingo. O valor passa dos atuais R$ 2,60 para R$ 3, é o terceiro de quatro aumentos escalonados programados para 2019.

O coletor José Wellington de Matos, 50, deu de cara com a estação Camaragibe fechada ontem por volta das 21h. "Estou indo deixar minha namorada em casa, mas não sabíamos da paralisação. Pior que aqui não tem ninguém para dar informações, não tem uma placa, nada. Agora vamos ter que recorrer aos ônibus, que são mais demorados", disse.

Reforço nos ônibus
Assim como fez na quinta-feira (5), o Grande Recife Consórcio de Transporte reforçará nesta sexta-feira (6), nos dois sentidos, as linhas do Centro à Zona Oeste e que fazem ligações com outros terminais da Capital. As linhas BRT que contarão com o reforço são: 2450 - TI Camaragibe (Conde da Boa Vista), 2443 - TI CDU/TI Joana Bezerra e a linha 2480 - TI Camaragibe/ Derby terá viagens alternadas para o Terminal Integrado Joana Bezerra.

Além dessas, serão reforçadas as linhas convencionais 202 - Barro/Macaxeira (Várzea) e 207 - Barro/Macaxeira (BR-101). Com essas linhas, os usuários poderão ter acesso à linha 2490 - TI Camaragibe/TI Macaxeira. Teremos ainda a ativação da linha especial TI Camaragibe/TI TIP. Para tirar dúvidas ou enviar sugestões e reclamações, o usuário pode entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente (0800 081 0158) ou WhatsApp (99488.3999), exclusivo para reclamações.

Veja também

Aumento de indicadores da Covid-19 leva Jaboatão a suspender retorno de aulas para educação infantil
Coronavírus

Aumento de indicadores da Covid-19 leva Jaboatão a suspender retorno de aulas para educação infantil

Pela última vez, Trump perdoa peru pelo Dia de Ação de Graças
EUA

Pela última vez, Trump perdoa peru pelo Dia de Ação de Graças