Eleições americanas

Vitória de Trump não afetará o Brasil, acredita Michel temer

Em contagem parcial, Trump foi eleito presidente americano com 276 dos 538 votos do Colégio Eleitoral

Governadores do Nordeste reunidos no PiauíGovernadores do Nordeste reunidos no Piauí - Foto: Governo do Piauí/Divulgação

Com a vitória de Donald Trump - eleito presidente americano com 276 dos 538 votos do Colégio Eleitoral, na madrugada desta quarta (9) -, o presidente do Brasil, Michel Temer, declarou que a vitória do empresário não mudaria “em nada” a relação entre os países. "Tenho dito que a relação do Brasil com os Estados Unidos e os demais países é institucional, ou seja, de Estado para Estado. É claro que o novo presidente que assume terá de levar em conta as aspirações de todo o povo americano. Tenho certeza que não muda nada na relação Brasil e EUA", declarou Temer em entrevista. Inclusive, de acordo o Palácio do Planalto, o presidente tucano “ressaltou as fortes relações institucionais entre os dois países e elogiou o tom equilibrado do primeiro discurso de Donald Trump após a confirmação do resultado”.

Em tempo: Temer confirmou que irá cumprimentar o empresário ainda nesta quarta.

Veja também

'Digam a meus filhos que amo eles', as últimas palavras da brasileira vítima de ataque em Nice
França

'Digam a meus filhos que amo eles', as últimas palavras da brasileira vítima de ataque em Nice

Dia de luta contra o reumatismo é lembrado no país nesta sexta-feira
Reumatismo

Dia de luta contra o reumatismo é lembrado no país nesta sexta-feira