Guerra na Ucrânia

Zelensky comemora ter atrapalhado planos 'pérfidos' da Rússia na Ucrânia

Presidente elogia resistência de sua população

presidente ucraniano, Volodimir Zelenskypresidente ucraniano, Volodimir Zelensky - Foto: Ukraine Presidency / AFP

O presidente ucraniano, Volodimir Zelensky, comemorou na noite desta quarta-feira (2) ter atrapalhado os planos "pérfidos" da Rússia em seu país e elogiou a resistência "heroica" de sua população.

"Somos uma nação que quebrou os planos do inimigo em uma semana. Planos escritos há anos: pérfidos, cheios de ódio ao nosso país, nosso povo", afirmou Zelensky em um vídeo postado no Telegram.

O presidente ucraniano afirmou "admirar sinceramente os habitantes heroicos" das cidades que resistem ao avanço das forças russas há sete dias.

Zelensky também afirmou que quase 9.000 soldados russos morreram em uma semana, um número impossível de ser verificado de imediato e que Moscou rejeita.

O primeiro balanço do exército russo, divulgado nesta quarta-feira, cita 498 soldados mortos e 1.597 feridos.

No Twitter, o presidente da Ucrânia afirmou ter conversado por telefone com o primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, para agradecer as sanções que o Canadá impôs contra Moscou.

Zelensky também declarou ter falado com o presidente cazaque, Masym Jomart Tokayev, uma aliado de Moscou, e terem concordado em "cooperar em questões humanitárias".

Veja também

Hospital britânico admite ter amputado membros de seis pessoas por engano
reino unido

Hospital britânico admite ter amputado membros de seis pessoas por engano

Rio Acre continua a subir e nível já alcança 17,84 m acima do leito
enchentes

Rio Acre continua a subir e nível já alcança 17,84 m acima do leito