A-A+

Advocacia Geral da União cria grupos regionais para combater à corrupção

Com isso, advogados públicos que atuavam em casos de corrupção espalhados pelas diversas varas do País ficarão agora concentrados nos chamados Grupos Regionais de Atuação Proativa

CorrupçãoCorrupção - Foto: Hugo Carvalho/Folha de Pernambuco

A Advocacia-Geral da União (AGU) publicou nesta sexta-feira (17) no Diário Oficial da União portaria em que cria escritórios regionais de dedicação exclusiva ao combate à corrupção, cada um composto por 100 advogados públicos.

Com isso, advogados públicos que atuavam em casos de corrupção espalhados pelas diversas varas do País ficarão agora concentrados nos chamados Grupos Regionais de Atuação Proativa (Graps), atuantes em cada uma das cinco procuradorias regionais da União e com 100 integrantes dedicados exclusivamente ao tema.

Leia também:
MPF denuncia Temer e Moreira Franco por corrupção na Eletronuclear
Lava Jato do Rio denuncia Temer sob acusação de corrupção e peculato
Parlamentares lançam Frente Mista contra a Corrupção

Os Graps terão duas frentes principais de atuação, segundo a AGU: o combate à improbidade administrativa e a recuperação de ativos.

Veja também

Twitter e Google dizem que ordens de Moraes podem ser censura prévia
Política e Internet

Twitter e Google dizem que ordens de Moraes podem ser censura prévia

Ministro diz que Tebet é 'descontrolada', e sessão da CPI é encerrada
CPI

Ministro diz que Tebet é 'descontrolada', e sessão da CPI é encerrada