Aécio diz que há 'exagero' na repercussão do depoimento de Lula

O tucano, alvo de cinco inquéritos na Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), disse também que é preciso "despolitizar" a investigação

Aécio NevesAécio Neves - Foto: Divulgação

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) classificou como "um exagero" a repercussão do depoimento prestado na quarta-feira (10) pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao juiz Sergio Moro.

O tucano, alvo de cinco inquéritos na Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), disse também que é preciso "despolitizar" a investigação. As críticas do senador foram dirigidas em parte ao PT, pela exploração política do evento, mas também ao Ministério Público e ao Judiciário. "Todos podem contribuir [para a despolitização]: o Congresso, os procuradores, o próprio Poder Judiciário, para que ele seja menos midiático e [seja] um processo efetivamente judicial", disse.

Questionado sobre se a Lava Jato está agindo politicamente, Aécio disse apenas que "foi desnecessária toda essa exploração em torno de um depoimento que poderia ter acontecido de parte a parte".

DEPOIMENTO

Lula falou por quase cinco horas a Moro sobre o processo que apura se o petista recebeu propina da construtora OAS. Essa foi a primeira vez que eles se encontraram.

A Procuradoria acusa o ex-presidente de ter participado de um esquema de desvios da Petrobras por meio do qual Lula teria recebido até R$ 3,7 milhões da empreiteira. Parte desse valor teria sido pago por meio da reserva de um apartamento tríplex no Guarujá.

O petista foi a Curitiba acompanhado de vários políticos do partido, entre eles senadores, deputados e, inclusive, da ex-presidente Dilma Rousseff.

Veja também

STJ dá 48h para autoridades do Amazonas se explicarem sobre oxigênio
Coronavírus

STJ dá 48h para autoridades do Amazonas se explicarem sobre oxigênio

Nós, militares, seguimos o norte indicado pela população, diz Bolsonaro a integrantes da FAB
Política

Nós, militares, seguimos o norte indicado pela população, diz Bolsonaro a integrantes da FAB