Alerta do TCE chega à Prefeitura de Ipojuca

Irmão Ricardo, no cargo interinamente, diz que “saúde financeira” da cidade é boa

Governo interino  recebeu notificação do?Tribunal de Contas, enviado na última terçaGoverno interino recebeu notificação do?Tribunal de Contas, enviado na última terça - Foto: Ed Machado

 

Um dia após receber a notificação oficial de “alerta de responsabilidade” do Tribunal de Contas do Estado (TCE), a Prefeitura de Ipojuca, sob a administração interina do vereador Irmão Ricardo José (PTC), presidente da Câmara Municipal, afirmou, na última quarta-feira (11), que o Município possui “saúde financeira e fiscal”.

A atual gestão disse, ainda, que recebeu a notificação após o expediente e só tomou conhecimento do fato através da matéria publicada com exclusividade na Folha de Pernambuco na edição da quarta (11).

O governo interino destacou que a Prefeitura está com as “contas em dia e recursos em caixa para as despesas já comprometidas anteriormente”, na gestão do ex-prefeito Carlos Santana (PSDB), aliado do prefeito interino. Além disso, o atual governo disse que “visa manter a continuidade da execução dos serviços essenciais à população, em estrita observância à Legislação”.

O objetivo do Tribunal de C0ntas é não comprometer o futuro gestor com atos, obras e despesas. O presidente da Câmara assumiu a gestão interinamente, após o primeiro colocado da eleição municipal, Romero Sales (PTB), que disputou sub judice, ter o registro negado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Santana ficou em segundo lugar.

Acirramento
Enquanto a eleição suplementar não ocorre, o município vive um cenário de acirramento político com diversos protestos. Após conflitos no dia da posse dos vereadores na Câmara Municipal e outro na última sexta-feira na sede Prefeitura, um grupo de ipojucanos contrário ao prefeito interino, intitulado “Ipojuca contra o Golpe”, está organizando uma carreata na manhã de domingo, em Ipojuca. Eles reivindicam celeridade no novo pleito.

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) marcou para o próximo dia 24 a sessão do pleno que definirá a nova eleição. A expectativa é que ocorra em abril. Além da servidora pública Célia Sales (PTB), esposa de Romero, e do ex-prefeito, o empresário Arlindo Capitani, conhecido como “Gaúcho” (PRB), também está na disputa.

Alerta do TCE
A notificação de alerta do TCE é um acompanhamento especial e inédito feito pelo órgão de contas diante da situação da cidade. Ele recomenda que o gestor não aumente despesas com pessoal; não inicie novas obras e serviços de engenharia, exceto por excepicional emergência e com comunicação prévia à Inspetoria Regional do TCE; não assuma compromissos financeiros que devam ser suportados pela gestão do prefeito que será eleito e não realize pagamentos excepcionais ((atrasados ou reconhecimento administrativo de direitos controversos) ou não programado a servidores ou fornecedores, salvo os decorrentes de decisão judicial.

 

Veja também

Bolsonaro usa helicóptero fora da agenda e, sem máscara, provoca aglomeração em cidade goiana
Presidente

Bolsonaro usa helicóptero fora da agenda e, sem máscara, provoca aglomeração em Goiás

Contra Lula, Bolsonaro busca eleitor conservador e retórica anticorrupção
BRASIL

Contra Lula, Bolsonaro busca eleitor conservador e retórica anticorrupção