Alto comando do Exército está reunido para tratar da intervenção no Rio

General Walter Souza Braga Netto, comandante do Comando Militar do Leste (CML), apontado como o interventor, participa da reunião

General Walter Souza Braga Netto, comandante do Comando Militar do LesteGeneral Walter Souza Braga Netto, comandante do Comando Militar do Leste - Foto: Divulgação / CML

Generais do alto comando do Exército de todo o país fazem reunião por videoconferência para discutir os detalhes da intervenção federal na segurança pública no Rio de Janeiro desde as 9h desta sexta-feira (16). Com a medida, o comando das forças de segurança pública do Rio de Janeiro ficará a cargo do Exército.

O general Walter Souza Braga Netto, comandante do Comando Militar do Leste (CML), apontado como o interventor, participa da reunião. Segundo a assessoria de imprensa da corporação, o general Braga Netto vai embarcar ainda hoje do Rio de Janeiro em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) para Brasília.

Leia também:
Temer assina decreto de intervenção das Forças Armadas na segurança do Rio
Pedidos anteriores de intervenção federal no DF e ES foram barrados
Intervenção no Rio altera tramitação da reforma da Previdência na Câmara
Governo trabalha no texto do decreto de intervenção no Rio de Janeiro
'Dura e extrema', diz Rodrigo Maia sobre intervenção no Rio de Janeiro

Braga Netto é natural de Belo Horizonte. Segundo o Ministério da Defesa, ao longo de sua carreira comandou o 1º Regimento de Carros de Combate e foi chefe do Estado-Maior da 5ª Brigada de Cavalaria Blindada e do Comando Militar do Oeste. Durante os Jogos Rio 2016, atuou como coordenador-geral da Assessoria Especial para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Comando Militar do Leste. Antes de assumir o CML, era comandante da 1ª Região Militar (Região Marechal Hermes da Fonseca). Tem 23 condecorações nacionais e quatro estrangeiras, segundo o ministério.

Nesta manhã, o presidente Michel Temer e assessores acertam os detalhes do decreto de intervenção na segurança pública do estado do Rio de Janeiro. O decreto será assinado pelo presidente Temer no início da tarde, no Palácio do Planalto, de acordo com a Secretaria de Imprensa da Presidência da República.

Veja também

Nem eu nem o PSL sairemos menores da eleição, diz Joice Hasselmann
Eleições 2020

Nem eu nem o PSL sairemos menores da eleição, diz Joice

Fux edita resolução que cria o Inova STF
STF

Fux edita resolução que cria o Inova STF