Amenidades no menu unem MDB e PSB às vésperas de 2020

Como a coluna antecipou, Jarbas juntou Paulo, Geraldo e Henry em almoço

O senador Jarbas Vasconcelos  comandou almoço, em sua residência, nesta terça-feira (30), com Paulo Câmara, Geraldo Julio, Raul Henry e lideranças do PSB e do MDBO senador Jarbas Vasconcelos comandou almoço, em sua residência, nesta terça-feira (30), com Paulo Câmara, Geraldo Julio, Raul Henry e lideranças do PSB e do MDB - Foto: Josenildo Tenório

O prefeito do Recife, Geraldo Julio, deixou, ontem, a casa do senador Jarbas Vasconcelos na última leva. Já passava das 17h. Junto com ele, sairam: Raul Henry, Tony Gel, Fred Oliveira, André Campos e Murilo Cavalcanti. Esse grupo se estendeu nas conversas. Antes, Fernando Dueire e Bruno Lisboa haviam saído numa turma do meio. O governador Paulo Câmara foi dos primeiros a deixar o apartamento, por volta das 15h. Dirigiu-se ao Palácio das Princesas com Antonio Figueira e José Neto, titular de Administração. Como a coluna antecipou, Jarbas aproveitou o recesso para juntar socialistas e emedebistas em almoço nas torres gêmeas, onde mora no Recife. Costumava fazer esse tipo de encontro no Janga, onde, tradicionalmente, preparava um cozido. Ontem, o menu foi passou por carne de sol, rabada, feijoada, peixe, e ensejou papos sobre amenidades.

O encontro ocorre depois do duro enfrentamento, no qual o senador Fernando Bezerra Coelho trabalhou para tomar o comando do MDB. Hoje, a convivência interna na sigla tornou-se "pacífica", circunstância que rende sequelas na relação com o PSB, que acendeu o sinal amarelo. Fernando Bezerra, naturalmente, não estava no almoço. Também não estavam Roberto Fontelles, que comanda o Detran na cota do MDB, nem Marcelo Bruto, que está à frente da pasta de Desenvolvimento Urbano. O partido ocupa ainda a Condepe, com Sheilla Pincovsky e a Cehab, com Bruno Lisboa, além da Secretaria de Segurança Urbana do Recife, com Murilo Cavalcanti. Murilo e Bruno estavam presentes. O nome de Marcelo Bruto, segundo os próprios socialistas relatam, teria sido uma espécie de imposição feita ao MDB, o que geraria alguma lacuna na relação. À coluna, Dueire define a relação de Raul e Jarbas com FBC, hoje, como "madura". Grifa que Fernando é líder do governo Bolsonaro, Jarbas não integra a base, mas eles têm colocado as coisas de maneira objetiva. "Não tem mais ponto de conflito", observa Dueire. O que tem em comum? "Fortalecer o partido", devolve Dueire. Às vésperas de 2020, o almoço de Jarbas vai na linha de fortalecer os laços com o PSB e dirimir as cicatrizes também gravadas na pele de emedebistas.

 

Em nome de Paulo
Presidente estadual do PSB, Sileno Guedes representou, ontem, o governador Paulo Câmara em coletiva no Centro Dom Helder Câmara, onde o ex-vereador Marcelo Santa Cruz apresentou informações sobre o caso Fernando Santa Cruz. “Equilíbrio é o mínimo que se espera do Presidente da República. Infelizmente, é algo raro na atualidade do Brasil. As declarações do presidente Jair Bolsonaro, em desrespeito ao pernambucano Fernando Santa Cruz, desaparecido durante a Ditadura Militar, evidenciam a sua falta de respeito com todos aqueles que foram presos, torturados e mortos durante um dos períodos mais difíceis do País”, afirma Sileno.
Tapete... > Esposa do presidente da Assembleia Legislativa, Eriberto Medeiros, Mariana Medeiros é prefeita de Cumaru e se prepara para concorrer à reeleição em 2020. No último domingo, após a entrega de uma ambulância à comunidade de Vila Ameixas, vereadores da cidade e lideranças que não votaram na prefeita no último pleito participaram de encontro comandado por Eriberto e Mariana na casa do casal.
...vermelho > O dirigente da Alepe está disposto a ampliar sua influência na cidade, que já é uma de suas principais bases. Eriberto tem aproveitado o recesso parlamentar para visitar os redutos e prestar contas. A ambulância é resultado de emenda sua.
Trânsito livre > Quem está à frente da Secretaria
Nacional de Mobilidade e Serviços Urbanos do Ministério do Desenvolvimento Regional, agora, é o pernambucano José Lindoso. A portaria foi publicada recentemente no Diário Oficial da União pelo ministro Chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni. 

Veja também

Comissão mista ouve formuladores das propostas de reforma tributária
Congresso

Comissão mista ouve formuladores das propostas de reforma tributária

Líderes governistas debatem reforma tributária com Bolsonaro
Congresso

Líderes governistas debatem reforma tributária com Bolsonaro