Após Datafolha, Lula decide antecipar lançamento de pré-candidatura

Dirigentes do PT de Minas estão organizando às pressas ato de pré-lançamento

Fachin negou pedido da defesa do ex-presidente Lula para suspender sua inelegibilidade e manter sua candidatura Fachin negou pedido da defesa do ex-presidente Lula para suspender sua inelegibilidade e manter sua candidatura  - Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula/Fotos Públic

Após divulgação da pesquisa Datafolha, o PT decidiu marcar para a semana que vem o lançamento da pré-candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O ato deverá ocorrer na próxima quarta-feira (7), em Minas Gerais, Estado governado pelo petista Fernando Pimentel.

Dirigentes do PT de Minas estão organizando às pressas ato de pré-lançamento. Segundo petistas, só amanhã haverá definição de local. A intenção é evitar que o feriado do Carnaval quebre o ritmo adotado por Lula desde o início das caravanas que protagonizou pelo Nordeste e Sudeste.

Leia também
Sem Lula, Bolsonaro lidera e disputa por vaga no segundo turno se acirra
Para o governo, pesquisa mostra dificuldade em candidatura apoiada por Temer
Para o PT, Datafolha mostra que excluir Lula é cassar o direito de voto da maioria


Segundo o Datafolha, Lula mantém liderança nas pesquisas mesmo após sua condenação pelo TRF4 (Tribunal Regional Federal da 4 Região). Minas é o único Estado do Sudeste administrado por um petista. Na noite desta terça-feira (30), dirigentes do partido chegaram a sugerir que Lula lançasse sua pré-candidatura no Nordeste, onde lidera com folga as pesquisas. Mas prevaleceu o argumento de que estaria se refugiando em uma zona de conforto.

Veja também

Confira quais são os cuidados sanitários que o eleitor deve ter no dia da votação
Blog da Folha

Confira quais são os cuidados sanitários que o eleitor deve ter no dia da votação

Na disputa pela Prefeitura do Recife, candidatos sobem o tom no guia eleitoral
Blog da Folha

Na disputa pela Prefeitura do Recife, candidatos sobem o tom no guia eleitoral