Foram encontrados 132 resultados para "Janeiro 2020":

Com a parceira entre a Prefeitura e Codevasf, serão pavimentados também corredores na região dos perímetros irrigados
Com a parceira entre a Prefeitura e Codevasf, serão pavimentados também corredores na região dos perímetros irrigadosFoto: Jonas Santos

O prefeito Miguel Coelho e o superintendente da Codevasf, Aurivalter Cordeiro, assinaram, na noite desta quinta (16), uma ordem de serviço no valor de R$ 10 milhões que vai propiciar o asfaltamento de 37 ruas e avenidas dos bairros de Petrolina. O serviços começam neste mês e devem ser entregues até maio.

A solenidade ocorreu no bairro Santa Luzia, onde serão pavimentadas cinco vias. As obras beneficiarão ainda as comunidades da Vila Marcela, Jardim Guararapes, Antônio Cassimiro, Jardim Petrópolis, Quati II, Alto do Cocar, Vila Eulália, Vila Mocó, Jardim Imperial, Dom Avelar, Jardim São Paulo, Vila Débora, Loteamento Giovana, Vila dos Ingás e Cidade Universitária.

Com a parceira entre a Prefeitura e Codevasf, serão pavimentados também corredores na região dos perímetros irrigados. Segundo o prefeito Miguel Coelho, o trabalho é mais um fruto da articulação política em Brasília e permitirá a Petrolina atingir uma marca superior a 400 vias pavimentadas em quatro anos, somando o que já foi feito por meio de recursos próprios e outros convênios. "No último dia do ano, essa parceria com a Codevasf foi celebrada e o dinheiro liberado. Esses recursos poderiam ter sido direcionados a outras cidades ou nem serem utilizados no orçamento deste ano. Isso só ocorreu por conta da força política do senador Fernando Bezerra, do deputado Fernando Filho e nossa equipe que fizeram um mutirão de esforços para mais uma vez transformar projetos em obras para Petrolina", revelou o prefeito no evento.


Confira a lista de ruas beneficiadas:

Alto do Cocar:
Ruas 24, do Pinho, Gercina Maia, José Inácio Ferreira e Lavanda

Antônio Cassimiro:
Ruas Mar Negro e Mar Vermelho

Cidade Universitária:
Rua Chateaubriand Pessoa Meira

Dom Avelar:
Rua da Oração

Jardim Guararapes:
Ruas 16 e 17

Jardim Imperial:
Rua do Samba

Jardim Petrópolis:
Rua Oscar Brasileiro de Souza

Jardim São Paulo:
Ruas 6, 7 e 8

Loteamento Giovana:
Rua José Jarede Carvalho

Quati II:
Avenida 5 e ruas Maria Luiza Cabral, 25, 26, 27 e 32

Santa Luzia:
Ruas do Barranqueiro, do Ecologista, do Flúor, do Fosfato e do Opala

Vila Débora:
Ruas Padre Manoel da Nóbrega e Tomás Antônio Gonzaga

Vila dos Ingás:
Rua 4

Vila Eulália:
Rua Santo André

Vila Marcela:
Ruas Edvan Mendes de Sá, Homero Freire de Oliveira, José Lopes Diniz e Saturno

Vila Mocó:
Primeira Avenida

Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE)
Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE)Foto: Arthur Mota/Arquivo Folha

O presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), desembargador Adalberto de Oliveira Melo, inaugura quatro novos prédios e unidades do Poder Judiciário do Estado, entre os dias 20 e 24 de janeiro. As instalações ficam no Cabo de Santo Agostinho, no Recife e em Pombos.

O primeiro prédio a ser inaugurado é o anexo ao Fórum do Cabo de Santo Agostinho, na segunda-feira (20), às 10h. O edifício fica na Rua 163, 001, em Garapu. Na terça (21), também às 10h, a unidade a ser inaugurada é a Câmara Privada de Conciliação e Mediação da Universidade de Pernambuco (UPE), localizada na avenida Sport Club do Recife, 252, bairro da Madalena, no Recife.

Na quarta-feira (22), às 15h, será a abertura do novo Arquivo do Cartório de Recursos para Tribunais Superiores (Cartris). O prédio fica localizado na rua Francisco Silveira, 131, galpão B.8.1, bairro de Afogados, no Recife.

Por fim, na sexta-feira (24), às 10h, o novo Fórum da Comarca de Pombos, sexto entregue pela atual gestão, será inaugurado. O prédio está localizado na Rua I, no Loteamento Capitão Manoel Gomes de Assunção, no Centro da cidade.

Ao final dos dois anos de gestão, em 3 de fevereiro, o desembargador-presidente Adalberto de Oliveira Melo terá inaugurado seis fóruns; cinco Câmaras Privadas de Conciliação; e 13 Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejuscs), mais que dobrando a capacidade de atendimento em conciliação, com 23 unidades em funcionamento em todo o estado.

A casa do mel foi construída pela Codevasf através de emenda parlamentar de R$ 250 mil
A casa do mel foi construída pela Codevasf através de emenda parlamentar de R$ 250 milFoto: Divulgação

Cerca de 70 produtores da região ribeirinha de Petrolina agora contam com um centro estruturado para produção de mel. O equipamento foi inaugurado, nesta quarta-feira (15), no Sítio Mandacaru. A casa do mel foi construída pela Codevasf através de emenda parlamentar de R$ 250 mil direcionada pelo deputado federal Fernando Filho.

O novo centro de apicultura terá capacidade de produção de 50 toneladas de mel por ano. A estrutura conta com diversos equipamentos como balança, centrífuga, decantadores entre outras máquinas que melhoram a qualidade do produto e agiliza todo o processo de fabricação. Antes da construção do equipamento, os produtores operavam de forma 100% artesanal, limitando o trabalho dos apicultores.

A mudança no patamar de produção de mel e a possibilidade de mais renda para os produtores foram apontadas pelo deputado Fernando Filho como uma esperança para a qualidade de vida dos criadores de abelha. "Hoje, essa casa tem recebido algo em torno de 200 colmeias, mas a capacidade pode ser até de mil. É uma estrutura, portanto, que vai garantir muito mais oportunidade e renda aos trabalhadores", disse o deputado no ato de inauguração.

A Associação dos Criadores de Abelha de Petrolina (Acape) ficará responsável pela administração do espaço. Em nome dos produtores, o presidente da entidade, Gilvan Pereira, destacou a importância da casa do mel para aumentar a produção dos associados. "A gente pediu apenas ao deputado uma carroça para ajudar no transporte do mel, mas ele foi além disso. Prometeu uma casa de mel e hoje estamos contentes comemorando a chegada desse sonho ao Mandacaru", lembrou Gilvan.

Secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aluísio Lessa participou do evento
Secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aluísio Lessa participou do eventoFoto: Divulgação

A Prefeitura de Ribeirão realizou, na noite desta quinta-feira (16), o sorteio de 200 moradias populares para famílias inscritas no programa Minha Casa, Minha Vida. A ação na cidade foi o único projeto aprovado pelo programa na Mata Sul de Pernambuco.

Até a etapa do sorteio, a Prefeitura cadastrou as famílias e encaminhou as documentações para a Caixa Econômica Federal. A Caixa, por sua vez, efetuou a triagem para definir quais famílias se encaixam nos parâmetros do programa.

As residências vão ficar no bairro da Vila Rica. O investimento total é de R$ 12 milhões. Os habitacionais vão contar com áreas de lazer e praças, além de placas de energia solar para o aquecimento dos chuveiros.

"Estou feliz em realizar esse sonho para o povo de Ribeirão. Este projeto contou com uma grande mobilização para sair do papel. Estamos garantindo moradia digna para o povo. E muito mais está por vir. Vamos reabrir o hospital da cidade, reformar o ginásio, construir as sedes do Corpo de Bombeiros e do Samu", pontuou o Prefeito Marcello Maranhão.

Presente ao evento, o secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, e deputado estadual licenciado, Aluísio Lessa, destacou a importância de se investir em moradias populares e o trabalho do Prefeito. "Garantir moradia é um dos mais valiosos gestos de cidadania. Sei o quanto este projeto é importante e o trabalho de Marcello para esta realização", afirmou.

Lessa também destacou o apoio do Governo de Pernambuco para o município."O Governador Paulo Câmara apoia a iniciativa e o Governo de Pernambuco tem sido parceiro da Prefeitura de Ribeirão, com a reabertura do hospital da cidade e a construção da sede do Corpo de Bombeiros e do Samu. Enquanto isso a oposição coloca gosto ruim em todas essas realizações. Pode chorar, pois não há nada mais importante do que a alegria do povo", concluiu.

Lessa destacou o apoio do Governo de Pernambuco para o município

Lessa destacou o apoio do Governo de Pernambuco para o município - Crédito: Divulgação

Deputada estadual Gleide Ângelo
Deputada estadual Gleide ÂngeloFoto: Roberto Pereira

O objetivo do Projeto Gleide Ângelo COM Elas é fortalecer as mulheres (vítimas ou não de violência) com histórias de superação de outras mulheres, com orientação de profissionais e, se for necessário, com o encaminhamento à Rede de Enfrentamento à Violência.

A equipe da deputada pretende percorrer diversas comunidades do Estado conversar e gravar com mulheres que têm histórias de superação. Na pauta, também devem ser entrevistadas mulheres profissionais de diversas áreas, como Psicólogas, Assistentes Sociais, Empreendedoras, Advogadas, Médicas, Juízas, Defensoras Públicas, Educadoras, influenciadoras, policiais, etc.

Uma das convidadas a participar do projeto é a professora Regina Celia, vice-presidente do Instituto Maria da Penha.

As interessadas em participar dos projetos serão informadas através das redes sociais em quais comunidades, dias e horários que acontecerão as gravações. A mulher que tiver uma história de superação e quiser compartilhar sua história com outras mulheres poderá voluntariamente pedir para participar do projeto.

Após as gravações, os vídeos serão publicados em diversas plataformas digitais.

Veja o vídeo:


Com processo digital é preservado o equivalente a 70 árvores
Com processo digital é preservado o equivalente a 70 árvoresFoto: Divulgação

Além de dar mais transparência, segurança e celeridade aos trâmites internos, a migração do processo físico para o digital tem ajudado a preservar o meio ambiente e a economizar recursos públicos, no Complexo Industrial Portuário de Suape.

Em apenas cinco meses (entre agosto e dezembro passado), a empresa deixou de utilizar 1.040 resmas de papel, com a implantação do Sistema Eletrônico de Informações (SEI). Considerando que com uma árvore de eucalipto se produz uma média de 15 resmas, o volume é equivalente a 70 árvores que deixaram de ser retiradas da natureza.

“Suape vem adotando uma série de ferramentas de gestão que tornam nosso serviço mais produtivo, mais transparente, mais ágil e seguro e ainda otimizam os recursos públicos. O SEI é uma delas. E ele não ajuda a economizar apenas papel, mas também material de escritório, serviço de postagem, logística e transporte de documentos”, afirma o diretor de Administração e Finanças da empresa, Dilermano Brito. “Em 2018, 2.700 resmas de papel foram utilizadas em Suape, então houve uma redução de quase 40% em 2019”.

Como é um sistema 100% virtual, no SEI os processos são criados, editados e finalizados eletronicamente, podendo ser acessados remotamente por vários navegadores e por qualquer órgão/empresa cadastrados. O SEI foi implantado sob coordenação da Secretaria de Administração (SAD) e gestão técnica da Agência Estadual de Tecnologia da Informação (ATI), tendo sido criado e cedido gratuitamente pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região e selecionado pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão como plataforma oficial do Processo Eletrônico Nacional (PEN).

Antes do SEI, Suape utilizava o Sistema Integrado de Gestão Pública do Governo de Pernambuco (Sigepe), que tinha como função cadastrar os documentos internos, mas mantinha a necessidade de impressão dos arquivos. Dos 13,5 mil hectares do Complexo, cerca de 59% são de área preservada.

Deputado estadual Lucas Ramos (PSB), em entrevista à Rádio Folha.
Deputado estadual Lucas Ramos (PSB), em entrevista à Rádio Folha.Foto: Julya Caminha / Folha de Pernambuco

Pré-candidato do PSB na disputa pela Prefeitura de Petrolina, o deputado estadual Lucas Ramos avaliou, em entrevista à Rádio Folha (96,7), nesta sexta-feira (17), que o campo de oposição ao prefeito Miguel Coelho (MDB) terá múltiplas candidaturas no primeiro turno, mas deveria estar coeso para a disputa do segundo turno do pleito.

O parlamentar citou vários nomes que deverão disputar, a exemplo do também deputado estadual Odacy Amorim (PT) e de Julio Lossio (PSD), este último de quem se declarou mais próximo. "A oposição está representada em vários paritod da Frente Popular em Pernambuco. A gente poder discutir múltiplas candidaturas. O PB decidiu por essa candidatura também. No final do ano passado o governador Paulo Câmara concedeu uma entrevista a uma radio de Petrolina confirmando a candidatura. Isso nos deu força", revelou.

Contudo, Lucas Ramos diz enxergar com naturalidade a disputa da oposição no primeiro turno. "Isso não dos faz inimigos polítocos. Diante da possibilidade que petrolina tem, de resolver a eleição em dois turmnos, acho natural termos vpárias candidaturas. É um exercício que a oposião de Petrolina tem que ter é entender que apesar da disputa no voto, o boloco de oposição ao prefeito tem que se organizar para que no segundo turno todas as forças devam trabalhar a favor.

Ouça a entrevista:

Roberto Alvim, secretário de Cultura do Governo Federal
Roberto Alvim, secretário de Cultura do Governo FederalFoto: Reprodução / Youtube

Vários políticos se posicionaram contra o vídeo publicado na noite desta quinta-feira (16), pelo secretário de Cultura do Governo Federal, Roberto Alvim, onde ele copia um discurso do ministro de Propaganda da Alemanha nazista para anunciar um Prêmio de Arte.

Líder do Solidariedade, o deputado Augusto Coutinho (SD) classificou como "inaceitável" a declaração do secretário da Cultura Roberto Alvim e repudiou qualquer ação totalitarista do Estado brasileiro. Coutinho se manifestou via Twitter.

"Assisti com preocupação o vídeo no qual o min. Roberto Alvim se atém a retóricas nazistas. Postura inaceitável e que repudio. Ao Estado cabe dar subsídios para o desenvolvimento da cultura, apoiando e respeitando a pluralidade e jamais sob linhas autoritárias ou totalitaristas", postou.

Já o deputado federal Tadeu Alencar, líder do PSB na Câmara, declarou-se “estarrecido” com o discurso. “Apoio integralmente as palavras do presidente da Câmara, Rodrigo Maia: não há outra saída que não a demissão deste secretário, que já deu provas sobejas de inadequação ao cargo de dirigente máximo da Cultura do País. E defendo que ele deve ser convocado pela Casa para se explicar”, assinalou.

Tadeu, que é também presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Cinema e do Audiovisual Brasileiros, lembrou outra polêmica envolvendo Alvim, quando este agrediu a atriz Fernanda Montenegro, chamando-a de “sórdida”, o que levou a Frente a promover uma sessão de desagravo a uma das principais atrizes brasileiras, do cinema, do teatro e da televisão.

“O trecho citado é cristalino e consta da biografia do auxiliar de Hitler. Se foi ‘apenas uma coincidência’, fica patente que é grande a identificação filosófica entre Alvim e Goebbels e, por consequência, deste com o pensamento do governo Bolsonaro”, concluiu o líder socialista.

Confira:

twitter

Deputados federais João Campos e Tadeu Alencar, ambos do PSB.
Deputados federais João Campos e Tadeu Alencar, ambos do PSB.Foto: Divulgação

O deputado federal Tadeu Alencar (PSB) se posicionou em relação à informação publicada no Blog da Noelia Brito, nesta sexta-feira (17). Segundo a publicação, em razão de maus resultados em pesquisas qualitativas feitas pelo PSB e do agravamento da briga familiar envolvendo os Campos, os Arraes e os Andrade Lima, teria sido convocada uma reunião na noite desta quinta (16), onde "se cogitou a substituição do deputado João Campos, que já era dado como candidato certo do PSB à sucessão de Geraldo Julio, que sonha em ser o próximo governador de Pernambuco, por outro nome do PSB. Em substituição a João Campos, outro integrante do condomínio político-familiar socialista, o deputado Tadeu Alencar, figuraria como o preferido de Renata Campos, comandante do grupo político que governa Pernambuco e Recife".

"Segundo nossas fontes palacianas, por ser ainda muito jovem, João tem apenas 25 anos, a cúpula do PSB, comandada por Renata Campos, mãe do deputado, tem avaliado que seria preferível poupá-lo de uma eventual derrota e lançar outro nome, deixando uma eventual candidatura do jovem parlamentar a um cargo majoritário para momento em que o desgaste das gestões socialistas não esteja tão forte. É esperar para conferir", conclui a publicação de Noélia.

À Folha de Pernambuco, Tadeu Alencar se posicionou para negar a informação. "A única coisa que tenho a dizer sobre isso é que pura fantasia. Não é cogitado de forma nenhuma no PSB. O PSB tem a pré-candidatura colocada, que é de João Campos. Não houve nenhuma modificação com relação a isso e muito menos com relação ao meu nome". Já o Governo do Estado preferiu não comentar sobre o assunto.

Roberto Alvim, secretário de Cultura do Governo Federal
Roberto Alvim, secretário de Cultura do Governo FederalFoto: Reprodução / Youtube

Um vídeo do secretário da Cultura do Governo Federal, Roberto Alvim, publicado na página oficial da Secretaria Especial da Cultura, na noite desta quinta-feira (16), tem provocado debate e repúdio nas redes sociais devido ao seu teor. Para anunciar o lançamento do Prêmio Nacional das Artes, Alvim copia trechos de um discurso do ministro da Propaganda da Alemanha Nazista, Joseph Goebbels, proferido para diretores de teatro durante o regime de Hitler.

A trilha sonora escolhida pelo secretário também chamou atenção. A ópera "Lohengrin", de Richard Wagner. Em sua autobiografia, Hitler afirmou ter sido esta obra decisiva em sua vida.As referências ao nazismo logo foram rechaçadas nas redes sociais, minutos depois da publicação e continua rendendo comentários indignados dos internautas. Roberto Alvim já havia se envolvido em outra polêmica ao oender a atriz Fernanda Montenegro em seu perfil.

Compare trecho dop pronunciamento com o discurtso de Goebles:

"A arte alemã da próxima década será heróica, será ferreamente romântica, será objetiva e livre de sentimentalismo, será nacional com grande pathos e igualmente imperativa e vinculante, ou então não será nada", Joseth Goebbles, ministro de cultura e comunicação de Hitler.

"A arte brasileira da próxima década será heroica e será nacional. Será dotada de grande capacidade de envolvimento emocional e será igualmente imperativa, posto que profundamente vinculada às aspirações urgentes de nosso povo, ou entãpo não será nada", afirmou Alvim no vídeo postado nas redes sociais", Roberto Alvim, secretário de Cultura do Governo Federal.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) reagiu com firmeza ao vídeo e usou o twitter para repudiar o discurso e pedir a exoneração de RobertoAlvim. "O secretário de Cultura passou de todos os limites. É inaceitável. O governo brasileiro deveria afastá-lo urgente do cargo".

nazi


Confira o vídeo:

assuntos

comece o dia bem informado: