Foram encontrados 203 resultados para "Fevereiro 2020":

Com o tema "Seja sua fantasia", o Carnaval de Petrolina reverenciará os aspectos da tradição da folia de rua
Com o tema "Seja sua fantasia", o Carnaval de Petrolina reverenciará os aspectos da tradição da folia de ruaFoto: Jonas Santos

Em contagem regressiva para o início da programação oficial do Carnaval 2020, a Prefeitura de Petrolina iniciou a montagem da estrutura da folia que acontecerá de 22 a 25 deste mês. A estrutura inclui palco, som, iluminação, pontos elevados de policiamento e banheiros químicos.

A festa terá quatro polos oficiais: orla, Multicultural (Matingueiros), a tradicional Praça 21 de Setembro e a Areia Branca. O Palco Orla, um dos principais pontos de concentração dos foliões, contará também com um painel em led de alta definição.
{
Com o tema "Seja sua fantasia", o Carnaval de Petrolina reverenciará os aspectos da tradição da folia de rua. De acordo o secretário executivo de Desenvolvimento Econômico, Thiago Brito, a expectativa é de que mais de 20 mil pessoas passem, por dia, pelos quatro polos da festa de Momo.

“Cada ano estamos melhorando, mudando e adequando a estrutura da nossa festa. Tudo está sendo pensado com muito carinho, visando sempre garantir a segurança, conforto e a diversão do público”, frisou.

Óleo no litoral
Óleo no litoralFoto: Léo Malafaia/Folhape

O Movimento dos Pescadores e Pescadoras Artesanais de Pernambuco (MPP-PE), a Articulação Nacional das Pescadoras Artesanais em Pernambuco (ANP-PE) e o Conselho Pastoral dos Pescadores – Regional Nordeste (CPP-NE) comemoram a decisão favorável da Ação Civil Pública (ACP) empreitada pelo Ministério Público federal de Pernambuco (MPF-PE) e divulgada na última terça-feira (11).

A determinação da justiça amplia o número de pescadores e pescadoras artesanais aptos a receber o auxílio emergencial devido ao derramamento de petróleo no litoral pernambucano.

A União é condenada a garantir o pagamento de prestação reparatória emergencial e de caráter alimentar aos membros de comunidades tradicionais pesqueiras, que foram atingidos direta ou indiretamente pelo desastre ambiental no Estado. No entanto, ainda cabe recurso do governo federal.

Proferida pela juíza federal titular da 7ª Vara da Justiça Federal em Pernambuco, Ara Carita Muniz da Silva Mascarenhas, a pedido da Procuradoria Geral dos Direitos do Cidadão (PRDC), a decisão determina à União o pagamento de R$ 1.996,00, em duas parcelas iguais, aos pescadores e pescadoras artesanais impactados. O direito é reconhecido a trabalhadores com inscrição regular no Registro Geral da Atividade Pesqueira (RGP), aqueles com protocolo de solicitação de inscrição no RGP ou protocolo de entrega de Relatório de Exercício de Atividade Pesqueira - REAO (caso de RGP suspenso/irregular inativo), ainda pendentes de apreciação.

MUNICÍPIOS - Devem receber o direito os pescadores e pescadoras nos municípios de Barreiros, Cabo de Santo Agostinho, Goiana, Ilha de Itamaracá, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Paulista, Recife, São José da Coroa Grande, Sirinhaém, Tamandaré, Rio Formoso, Abreu e Lima, Igarassu e Itapissuma. A mesma prerrogativa vale para quem não se enquadra nas situações previstas, mas que está com pendências na inscrição no RGP ainda não apreciadas pela União e esteja vinculado aos mesmos municípios.

A decisão liminar não inclui os pescadores que foram beneficiados pela MP Nº 908/2019, bem como aqueles que tenham sua inscrição no RGP, protocolo de solicitação de registro inicial ou de entrega de REAP posterior à referida medida provisória. Ficam excluídos ainda os trabalhadores da pesca cujo pedido protocolado de registro ou da regularização da licença tenha sido analisado e indeferido pelo órgão competente ou se constatado por outros meios inequívocos que não se trata de pescador artesanal. “É uma conquista importante, porque a previsão é que sejam atendidos cerca de 8 mil pescadores, mas ainda falta quem tem cadastro nas colônias de pesca, porém, não tem o RGP”, explica o educador social do CPP-NE, Severino Santos.

JUSTIÇA – Frente à decisão do governo federal de atender apenas 4.236 pescadores pernambucanos, por meio de medida provisória 908/2019, e em consequência da falta de apoio e compromisso do governo estadual que, no último mês de dezembro, alegou não ter recursos e que a regulação da atividade pesqueira é uma atribuição da União, o MPP-PE, a ANP-PE e o CPP-NE contestaram, na justiça, a decisão federal, demandando a ampliação do auxílio emergencial para todos os pescadores afetados pelo desastre ambiental.

A investigação do MPF apurou que o direito não contemplava nem de longe as necessidades e a reparação dos impactos causados aos pescadores e pescadoras atingidos pelo derramamento e determinou em caráter liminar a ampliação do número de trabalhadores a receber o auxílio, no último dia 26 de dezembro. Apesar de milhares de pescadores não se enquadrarem nos parâmetros da medida provisória, na época, o MPF defendeu que um dos principais motivos é que muitos deles não tiveram seus requerimentos de inscrição e regularização apreciados pelo governo federal, pois a realização e atualização de cadastros está parada desde 2012.

DADOS – Pertencentes a uma das culturas tradicionais mais importantes do Brasil, os pescadores artesanais são responsáveis por metade da produção de pescados para consumo humano, empregando vinte e cinco vezes mais trabalhadores do que a pesca industrial, no Brasil. Ao todo, são mais de um milhão de pescadores artesanais credenciados no Registro Geral de Atividade Pesqueira (RGP).

Segundo o Instituto Oceanario da UFRPE, que deu origem ao Diagnóstico da Pesca Artesanal em Pernambuco, o número de pescadores no litoral pernambucano é de aproximadamente 30 mil, sendo esses dados de 2010. O total de pescadores com RGP, em Pernambuco, é de 13.128 pessoas. A última produção estimada, realizada em 2012, é de 20.882,10 toneladas de pescador oriundo da pesca extrativa, de acordo com dados do MPA.

A iniciativa foi anunciada por Fabrizio Ferraz, durante pronunciamento na tribuna da Alepe
A iniciativa foi anunciada por Fabrizio Ferraz, durante pronunciamento na tribuna da AlepeFoto: Divulgação

Os deputados estaduais Fabrizio Ferraz e Antonio Coelho solicitaram ao Governo Federal, através de indicações pela Assembleia Legislativa, a abertura das comportas da Barragem do Muquém, em Floresta, no Sertão de Itaparica. A iniciativa foi anunciada por Fabrizio Ferraz, durante pronunciamento na tribuna da Alepe, na tarde desta segunda (17).

A ação tem o objetivo de escoar as águas desse equipamento, contemplado no projeto de Transposição do rio São Francisco, para a Barragem de Barra do Juá, também localizada em Floresta. De acordo com Fabrizio, a manobra permitirá que o riacho do Navio, marcado há anos pela seca, volte a se perenizar.

“Esta ação tornará possível o sonho de muitos sertanejos de ter de volta, de forma definitiva, o Riacho do Navio, que há anos deixou de abastecer centenas de famílias. Com a iniciativa, em média, 800 propriedades rurais seriam beneficiadas; cerca de 2,5 mil novos empregos, diretos e indiretos, seriam gerados. E o que está faltando para o Governo Federal abrir a Barragem do Muquém e deixar a água correr para abastecer essas pessoas que vivem à margem do riacho do Navio?”, pontuou Fabrizio Ferraz.

Antonio Coelho afirmou que a iniciativa conjunta simboliza a importância de tal iniciativa para a população sertaneja. “Vamos trabalhar juntos, convocando também o Governo do Estado e a bancada federal de Pernambuco para somar esforços e articular a abertura das comportas, pois é imprescindível para melhorar a vida de milhares de pessoas que vivem naquela região”, colocou Coelho.

Toda a programação conta com o apoio de segurança da Guarda Municipal, DEPATRAN e da Polícia Militar de Pernambuco
Toda a programação conta com o apoio de segurança da Guarda Municipal, DEPATRAN e da Polícia Militar de PernambucoFoto: Divulgação

O Carnaval 2020 em Igarassu vai ser marcado por uma programação preparada para todos os públicos. Polo infantil, atrações culturais com maracatu de baque solto e virado, frevo, afoxé, coco de roda, shows com bandas locais e regionais e muitas atividades para todos os gostos. A abertura acontece nesta sexta-feira (21), com a participação de Orquestra Virtual, da Associação Cultural e Quadrilha Junina Lumiar e do tradicional cortejo do Maracatu Estrela Brilhante a partir das 19h, na Passarela Cultura, polo localizado no Sítio Histórico.

No sábado (22), a programação da Passarela Cultural continua a partir das 16h, e neste dia conta com Coco Juremado, Afoxé Omo Liga, Carla Rio, Maestro Macaiba, Damas e Valetes e Sempre Feliz e Foguedos Surubim. Ainda no sábado, a festa também acontece no Polo Saramandaia, com Eran Rocher e Beleza Pura. No domingo (23), é a vez do tradicional Banho de Cheiro, no Polo Saramandaia, começando ao meio dia com Escola de Samba Bateria Cabulosa, Banda Ynove, Priscila Senna e Dadá Boladão.

A segunda-feira recebe um cortejo de Maracatus na Passarela Cultural, no Sítio Histórico, e continua com shows nos outros polos: Saramandaia, Agamenon, Três Ladeiras, Cuieiras e Nova Cruz e assim também acontece na terça-feira de Carnaval, programação em todos os polos.

A criançada não ficou de fora da programação e ganhou um Polo Infantil, localizado em Cruz de Rebouças, que terá atividades do domingo até a terça-feira. Banda Barca Maluca, Super Kids, Cavalo Marinho Boi Pintado e muita recreação para que as crianças possam aproveitar a festa.

Toda a programação conta com o apoio de segurança da Guarda Municipal, DEPATRAN e da Polícia Militar de Pernambuco. A secretaria de saúde estará de prontidão para atendimentos e também realizará palestras educativas sobre prevenção de Infecções Sexualmente Transmissíveis. Os eventos também contam com o apoio da Secretaria da Cidade, Secretaria de Meio Ambiente e Biodiversidade, Políticas Sociais e Comunicação.

PROGRAMAÇÃO DE CARNAVAL 2020
21 a 25 de fevereiro
DIA 21 – SEXTA-FEIRA (Abertura)
PASSARELA CULTURAL 19h - Orquestra Virtual, Associação Cultural Quadrilha Junina Lumiar e
Maracatu Estrela Brilhante

DIA 22 – SÁBADO
PASSARELA CULTURAL 16h– Coco Juremado, Afoxé Omo Liga, Carla Rio, Maestro Macaiba, Damas e Valetes, Sempre Feliz e Foguedos Surubim
POLO SARAMANDAIA 20h – Eran Roucher e Beleza Pura
POLO AGAMENON 19h às 00h – Jacy a Deusa do Amor e Excesso de Bagagem

DIA 23 – DOMINGO
POLO INFANTIL 15h– Espetáculo Lumiar, T.C.M Papangus Gigantes e Banda A Barca Maluca
PASSARELA CULTURAL 16h – Dinah Santos, Banda Madeirada, Cavalo Marinho Boi Pintado
POLO SARAMANDAIA 12h - Banho de Cheiro – Escola de Samba Bateria Cabulosa, banda Ynove, Priscila Senna e Dadá Boladão
POLO AGAMENON 20h – Banda Takitá e Eduarda Sedutora

DIA 24 – SEGUNDA-FEIRA
POLO INFANTIL 15h– Cavalo Marinho Boi Pintado, Espetáculo Lumiar, Banda Super Kids e Geração Kids
PASSARELA CULTURAL 14h– Cortejo de Maracatus, Glécia Marcolino e Afoxé Oxum Pandá
POLO SARAMANDAIA 20h – Paulinha Lopes e A Favorita
POLO AGAMENON 20h – Jair Miranda e Banda Pinguim
POLO TRES LADEIRAS 20h – Banda Swing da Paixão e Jacy a Deusa do Amor
POLO NOVA CRUZ II 20h – Luiz Viola e Orquestra Virtual
POLO CUIEIRAS 20h – Lia do Coco e Roberto Magno

DIA 25 – TERÇA-FEIRA
POLO INFANTIL 16h– Sabrina do Coco, Glycia Mel e banda
PASSARELA CULTURAL 16h – Gigantes do Samba, Victor Assis, Maracatu Estrela Brilhante
POLO SARAMANDAIA 20h – Flávia Reis e Nanara Santa Dose
POLO AGAMENON 20h – Nall Topadão e Amigas do Brega
POLO TRES LADEIRAS 20h – Banda Skema Som e Bateu a química
POLO NOVA CRUZ I 20h – Neno Moral e banda Ky Pegada
POLO CUIEIRAS 21h – Grupo Chapéu de Couro e Orquestra Virtual

Indicação da homenagem foi do deputado Wanderson Florêncio (PSC)
Indicação da homenagem foi do deputado Wanderson Florêncio (PSC)Foto: Jarbas Araújo

A Assembleia Legislativa de Pernambuco realiza, nesta terça-feira (18), às 18h, uma Sessão Solene em homenagem ao Carnaval pernambucano. Indicação do deputado Wanderson Florêncio (PSC), o evento acontecerá no auditório senador Sérgio Guerra, às 18h.

Entre os homenageados estão o Bloco das Ilusões, Claudionor Germano, Nonô Germano, Getúlio Cavalcanti, Marron Brasileiro, Ed Carlos, Maracatu Nação Pernambuco,Maracatu Nação Camaleão, Nádia Maia, Nena Queiroga, Orquestra Capital do Frevo e Orquestra Perfil.

“É gratificante poder homenagear todos os anos esses blocos e artistas que fazem do Carnaval de Pernambuco uma das festas mais tradicionais do País, valorizando a nossa cultura e a nossa história”, afirmou Wanderson Florêncio.

Para ter acesso e acompanhar a programação nesse espaço é preciso se inscrever ou pelo email: camarotedaacessibilidadedorecife@gmail.com
Para ter acesso e acompanhar a programação nesse espaço é preciso se inscrever ou pelo email: [email protected]Foto: Ikamaha~/ PCR

A festa mais democrática do Brasil precisa ser também inclusiva. A cada ano a Prefeitura do Recife lança mão de uma série de instrumentos que visam a inclusão social por meio de serviços que buscam integrar a maior festa popular do país às Pessoas com Deficiência (PcD). Este ano o principal e maior palco do Carnaval do Recife, o Marco Zero, receberá pela primeira vez na história dos festejos de Momo o serviço de audiodescrição. O recurso é destinado às pessoas com deficiência visual e chega na folia para ampliar a percepção, compreensão e a participação dos foliões com deficiência visual.

Além de atender as pessoas cegas, a prefeitura chega junto da população surda, que contará com tradução simultânea dos shows e mais uma vez passa a fazer parte da festa de maneira inclusiva. O palco Marco Zero se integra aos surdos mais uma vez numa experiência que tem sido sucesso entre os foliões surdos, através da garantia da acessibilidade comunicacional. Os intérpretes de libras farão a tradução simultânea das atrações de cada noite de folia, promovendo acesso comunicacional ao público surdo.

E mais: o sucesso tem sido tanto que neste ano de 2020 o serviço foi ampliado e outros cinco polos do Carnaval do Recife contarão com os intérpretes de libras. São eles: Várzea, Casa Amarela, Ibura, Rec Beat e Lagoa do Araçá. Comunicação digital acessível _ para ampliar o alcance das informações e programação do reinado de Momo, o site do Carnaval do Recife (https://site.carnavalrecife.com/) volta a contar com o tradutor de libras virtual, por meio do app Hand Talk no canto direito da página, uma iniciativa que vem se repetindo desde 2017.

A estrutura montada no maior polo do Carnaval do Recife é cuidadosamente planejada e montada para que seja também acessível para as pessoas que trabalham nele. Toda a área de backstage é acessível e isso torna o Polo do Marco Zero o maior palco acessível do Carnaval do Brasil. Músicos, produtores, técnicos, assistentes, coordenadores, todos trabalham num espaço inteiramente inclusivo e adaptado para receber as pessoas com deficiência.

“Ao longo da gestão fomos incrementando os serviços assistidos para as pessoas com deficiência. Tornar o carnaval inclusivo é fazer dessa grande festa um momento para ser vivenciado, de fato, por todas e todos. Esse conjunto de ações e serviços é parte de uma política pública que busca sair da zona de conforto e inovar integrando, fazendo dessa festa linda e tão querida uma festa inclusiva”, explica Ana Rita Suassuna, secretária de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos.

Visando a participação ativa das pessoas com deficiência durante os dias de Momo, além do Marco Zero, todos os 46 Polos do Carnaval do Recife contam com rampas de acesso. Além disso, todos têm um espaço reservado na frente do palco para atender a pessoas com deficiência e também a pessoas com mobilidade reduzida. Esta área permite a melhor visibilidade dos shows, para alguém em cadeira de rodas, por exemplo.

Na quarta-feira (19), a folia inclusiva começa cedo. A partir das 14h, o Bloco Carnavalesco Me Segura Senão Eu Caio irá se concentrar na Praça da Torre para celebrar seus 15 anos. Formado por pessoas com deficiência, seus familiares e amigos, o bloco será animado por Nena Queiroga, Bateria Cabulosa, Maracatu da Associação de Pais, Amigos e Pessoas com Deficiência, de Funcionários do Banco do Brasil (APABB), orquestras de frevo e muito mais. As primeiras 300 pessoas com deficiência que chegarem ao local ganham camisa pra curtir a folia.

A acessibilidade estrutural, comunicacional e, principalmente, atitudinal voltada para o Carnaval está presente em outros serviços oferecidos pela Prefeitura do Recife durante o reinado de Momo. Confira:

O que vai rolar:

Camarote da Acessibilidade – No dia 22 de fevereiro, no Sábado de Zé Pereira, os foliões com deficiência contam com o já tradicional Camarote de Acessibilidade Localizado no Pátio do Carmo, próximo à Basílica do Carmo, a estrutura adaptada fica aberta das 08h às 17h, mas para ter acesso e acompanhar a programação nesse espaço é preciso se inscrever. As inscrições estão abertas por meio dos seguintes contatos: 3355.8645 para pessoas com deficiência física, intelectual e visual, com atendimento das 09h às 12h e das 12h às 16h. Para pessoas com deficiência auditiva as inscrições devem ser feitas pelo site: [email protected]

Libras

Os tradutores de Libras, que roubaram a cena no palco do Marco Zero no Carnaval passado, estarão em mais polos este ano. O serviço será disponibilizado ao longo de toda a programação de oito dos maiores polos da festa, espalhados pela Prefeitura do Recife no centro e em toda a cidade: Marco Zero, Pátio de São Pedro, Praça do Arsenal, Ibura, Lagoa do Araçá, Várzea, Casa Amarela e também no Rec Beat, festival que escolheu o Carnaval do Recife como palco, celebrando as maiores atrações e tendências da música brasileira e internacional, com o apoio da Prefeitura do Recife.
Em cada um desse polos, uma dupla de intérprete se revezará a cada noite, para fazer o Carnaval do Recife e a cultura pernambucana pulsarem no coração de quem não é ouvinte. No Carnaval de 2019, o serviço estreou no palco do Marco Zero, com enorme repercussão e aceitação do público.

Audiodescrição

Grande novidade do cada vez mais inclusivo Carnaval recifense, a audiodescrição também fará sua estreia no Marco Zero, maior e mais democrático palco da festa de Momo. Das 19h às 2h, dos dias 21 a 25 de fevereiro, duplas de audiodescritores narrarão toda a beleza da festa e das atrações que subirem ao palco do Marco Zero. A cada noite, serão disponibilizados 20 equipamentos.

Central do Carnaval – Na Central os usuários contarão com um espaço da Secretaria Executiva de Direitos Humanos que, por meio da Gerência da Pessoa com Deficiência, estará pronto para receber os foliões. No local estarão à disposição intérpretes de libras, programação em braile para consulta e voluntários treinados em acessibilidade atitudinal, capacitados para atender as PcDs.


Rota Acessível - Os usuários de cadeiras de rodas e/ou pessoas com mobilidade reduzida contarão mais uma vez com o serviço das vans do PE Conduz, uma parceria com o Governo do Estado. Os carros são adaptados e os levam até o palco do Marco Zero, onde essa turma de foliões encontra profissionais da Gerência da Pessoa com Deficiência para assisti-los e um frontstage montado especialmente para recebê-los junto com seus acompanhantes. Os carros ficam disponíveis para o translado das 18h à 00h, saindo da frente da estação do BRT próximo à Prefeitura do Recife.

Banheiros adaptados – Serão instalados banheiros químicos adaptados e sinalizados para uso exclusivos de pessoas usuárias de cadeiras de rodas.

O que já rolou:

Rei e Rainha da Pessoa com Deficiência – Um concurso inédito e cheio de energia. Recife agora tem Rei e Rainha da Pessoa com Deficiência. Para esta primeira edição, que coroou a dupla de monarcas no último dia 07/02, foram inscritas pessoas com Sídrome de Down. Os vencedores foram Caio Antônio Batista e Zemily Cazala Santos. A iniciativa reforça uma política pública inclusiva, que reforça o compromisso com a representatividade.

Carnaval do Praia Sem Barreiras – No dia 08/02 foi a vez do Carnaval do Praia sem Barreiras. Dia de sol, mar e frevo para os usuários do serviço que oferece banho de mar assistido de sexta a domingo e nos feriados das 8h às 13h. A festa na praia contou com a presença do Rei e da Rainha do Carnaval da Pessoa com Deficiência, Caio Antônio Batista e Zemily Cazala Santos, e foram embalados pela Orquestra Tempestade.

Procon analisa pista de kart em Boa Viagem
Procon analisa pista de kart em Boa ViagemFoto: Julya Caminha/Folha de Pernambuco

O funcionamento de pistas de kart em Pernambuco está prestes a ser regulamentado. O Projeto de Lei n º 751/2019, que será votado nesta terça (18), na Comissão de Administração Pública da Alepe, estabelece uma série de requisitos para a instalação desses equipamentos. A matéria foi proposta pelo deputado Delegado Erick Lessa (PP).

De acordo com a proposta, as pistas deverão possuir barreiras de proteção formadas preferencialmente por pneus. Além disso, elas devem estar a uma distância mínima de 10 metros de obstáculos físicos não protegidos por barreiras, como postes e muros, e possuir cercas ou grades que isolem os espectadores.

Em relação aos karts, o projeto determina que os veículos tenham tanques de combustível com proteção contra vazamentos e motor com proteção superior contra queimadura e escalpelamento. A medida ainda lista os itens de segurança pessoal que devem ser oferecidos aos usuários: luvas, elásticos para cabelos compridos, protetor cervical, entre outros.

Segundo Lessa, o estabelecimento de normas para o funcionamento das pistas de kart tornou-se ainda mais urgente após o acidente que envolveu a jovem Débora Stefanny Dantas, em agosto de 2019, no estacionamento de um supermercado em Boa Viagem, bairro da Zona Sul do Recife. Ao participar de uma corrida, ela teve o couro cabeludo arrancado após seu cabelo se soltar da toca e ficar preso no motor do veículo.

“Somente existe normatização para as provas de kart de competição, profissionais ou amadoras, as quais são reguladas pela Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA). Já para as pistas de kart de lazer não há qualquer regra, o que gera uma situação de insegurança para o consumidor e também para o próprio empresário”, detalha o autor, na justificativa do projeto. Estados como São Paulo, Rio de Janeiro e o Distrito Federal já possuem leis semelhantes.

Na Comissão de Administração Pública, o projeto será relatado pelo deputado João Paulo Costa (Avante). A reunião do colegiado será realizada no Plenarinho II, às 11h30.

Agenda – A manhã desta terça também será marcada por reunião ordinária da Comissão de Justiça. A pauta prevê a discussão de 15 proposições. Entre elas, o Projeto de Lei nº 773/2019, do deputado Professor Paulo Dutra (PSB), que obriga shopping centers e demais centros comerciais a instalarem mapa tátil, com informações em Braile, indicando a localização de lojas, banheiros saídas de emergência.



Confira os horários:

Reunião da Comissão de Justiça – 10h30, no Plenarinho II

Reunião da Comissão de Administração Pública – 11h30, no Plenarinho II

O Buchudos do Cordeiro ocorre na Rua da Lama há 30 anos
O Buchudos do Cordeiro ocorre na Rua da Lama há 30 anosFoto: Marcos Henrique/EM

O deputado federal e pré-candidato a prefeito do Recife, João Campos (PSB), o presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, deputado estadual Eriberto Medeiros (PP), e o O vereador do Recife Eriberto Rafael (PTC), líder do governo na Câmara Municipal acompanharam o Bloco Buchudos do Cordeiro. A festa aconteceu na noite deste domingo (16), na Rua da Lama, bairro do Cordeiro, zona oeste do Recife.
 
Dando demonstração de sintonia o vereador e os dois deputados foram para o “corpo a corpo” no meio da multidão, que lotou a Rua para os shows de Negritude Jr, Revelação, com participação especial de Jorge Aragão e a banda Amigas. Os três foram bastante abraçados durante a festividade.

O Buchudos do Cordeiro ocorre na Rua da Lama há 30 anos. Essa prévia carnavalesca é considerada como o “bloco do coração” para o presidente Eriberto Medeiros e seu grupo político, cujas bases estão espalhadas pela zona oeste da capital pernambucana.

Também marcaram presença o secretário de Política de Prevenção às Drogas, Cloves Benevides, o deputado estadual Claudiano Martins Filho (PP), e a deputada federal Tábata Amaral (PDT-SP), namorada do deputado João Campos.

Wanderson Florêncio (PSC), Weberson Florêncio (Podemos) e Patrícia Domingos (Podemos)
Wanderson Florêncio (PSC), Weberson Florêncio (Podemos) e Patrícia Domingos (Podemos)Foto: Divulgação

A pré-candidata a prefeita do Recife, delegada Patrícia Domingos, voltou a circular nas prévias carnavalescas  ao lado de seu aliado e deputado estadual Wanderson Florêncio (PSC) e do presidente municipal do Podemos Weberson Florêncio, neste final de semana, em diversos bairros do Recife.

Filiada ao Podemos, a delegada falou sobre o contato com a população recifense. “É uma honra poder estar próxima das pessoas, recebendo todo esse carinho, quero retribuir essa confiança debatendo com ética e transparência os temas importantes da nossa cidade”, disse.

“Impressiona positivamente essa alta exaltação da população pela Patrícia, verdadeiramente é um fenômeno de popularidade. Esse apoio é algo recorrente por onde estamos passando. Mostra que em 2020 o Recife trilhará pela mudança”, afirmou Wanderson Florêncio.

Já Weberson Florêncio reiterou que o Podemos está trabalhando para montar uma chapa competitiva de candidatos a vereadores para apoiar a candidatura de Patrícia Domingos. “Estamos unidos, realizando o dever de casa ao construir uma chapa competitiva, com pessoas de vários segmentos da sociedade, para que Patrícia tenha na sua base, militantes imbuídos por causas coletivas de relevância, a nossa principal matemática é a da renovação”, declarou.

Deputado federal Eduardo da Fonte (PP) solicitou a inclusão do exeme ao presidente da República
Deputado federal Eduardo da Fonte (PP) solicitou a inclusão do exeme ao presidente da RepúblicaFoto: Divulgação

O deputado federal Eduardo da Fonte (PP/PE) enviou uma solicitação ao presidente da República, Jair Bolsonaro, para que o Ministério da Saúde torne obrigatória a realização do exame de identificação da Atrofia Muscular Cerebral (AME) no Programa de Triagem Neonatal (PNTN), conhecido como Teste do Pezinho.

O deputado também solicitou que o SUS realize o diagnostico pré-natal para identificar a AME, por pedido do médico ou da própria gestante, caso haja histórico familiar da doença. Neste caso, o SUS deverá liberar o resultado do exame em até 24h após a liberação do laudo pelo laboratório. Os testes também devem fazer parte da rede particular de saúde.

“Começar o tratamento logo após o nascimento do bebê faz toda a diferença no desenvolvimento da criança. A realização do exame para diagnóstico precoce da doença é fundamental para garantir mais qualidade de vida e até reduzir a mortalidade infantil.”, declarou Eduardo da Fonte.

Confira a solicitação:

assuntos

comece o dia bem informado: