Proposta é do vereador Rodrigo Coutinho (SD)
Proposta é do vereador Rodrigo Coutinho (SD)Foto: Divulgação / Câmara Municipal do Recife

A rede municipal de ensino poderá contar com a inclusão de conceitos sobre empreendedorismo. Faz sentido, afinal em tempos de desemprego elevado e crise econômica, todo mundo tem de aprender novos conceitos e ampliar horizontes. Por isso a preocupação do vereador Rodrigo Coutinho (SD) ao propor projeto de lei 42/19 para que as escolas passem a dar noções de conceitos sobre o empreendedorismo para desenvolver habilidades e competências de olho no mercado de trabalho.

Ele argumenta que deverão ser ministradas noções de ética, livre iniciativa, sustentabilidade e cooperação. Bem como educação financeira, cultura organizacional e gestão de negócios e de mercado, além de capacidade de gestão e de inovação. “Os conceitos de empreendedorismo poderão ser abordados nas disciplinas da grade curricular obrigatória que guardem pertinência com o tema e o Projeto Político Pedagógico (PPP) da escola”.

Rodrigo Coutinho acredita que o empreendedorismo pode auxiliar no desenvolvimento econômico e social bem todas as esferas, incluindo a municipal. O vereador entende que a escola prepara cidadãos e por isso tem o dever de formar alunos com expertise que os torne adultos promissores. “A capacidade empreendedora na juventude deve ser fomentada ainda no período escolar, em razão, principalmente, do grande número de jovens desempregados no Recife por falta de oportunidades”.

Projeto de Lei é de autoria da vereadora Ana Lúcia (PRB).
Projeto de Lei é de autoria da vereadora Ana Lúcia (PRB).Foto: Divulgação / Câmara Municipal do Recife

A Prefeitura do Recife e os órgãos públicos vinculados ao Poder Executivo da capital pernambucana poderão ter que disponibilizar aos seus usuários fraldários em local acessível, tanto a homens como a mulheres. Este é o objetivo do projeto de lei 177/2019, de autoria da vereadora Ana Lúcia (PRB), em tramitação na Casa de José Mariano.

Entende-se por fraldário, segundo o teor do projeto, o ambiente reservado que disponha de bancada para troca de fraldas; lavatórios; equipamento para a higienização de mãos e utensílios que permitam descarte de materiais. “Deve ser instalado em condições adequadas a fim de possibilitar a realização da troca de fraldas de forma higiênica e segura. Quando não instalado em banheiros feminino e masculino, o fraldário deverá ser localizado nas proximidades dessas instalações, possibilitando o livre acesso dos usuários”, justificou a vereadora Ana Lúcia.

De acordo com a vereadora Ana Lúcia, a proposição tem a finalidade de oferecer mais conforto e comodidade para as crianças, mães, pais e responsáveis, quando da necessidade de higienização das crianças nos espaços públicos do município do Recife.

“Destacamos que diariamente os órgãos públicos deste município são visitados por inúmeras pessoas. Todavia, os prédios públicos destinados a atender a população não são equipados de maneira adequada. Muitos pais e responsáveis quando se deparam com a necessidade de higienizar suas crianças não encontram nesses ambientes um local apropriado para isso. Dessa forma, entendemos que a apresentação desta Proposição é de suma importância, tendo em vista que o Legislativo deve estar sempre direcionado a adotar todas e quaisquer ações que tragam bem-estar à nossa população”.

"A iniciativa contribui para quebra de um ciclo de violência", afirma o secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico
"A iniciativa contribui para quebra de um ciclo de violência", afirma o secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro EuricoFoto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco/arquivo

Um convênio de empregabilidade viabilizado pela Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH) vai permitir que 24 egressos prisionais, cumpridores de pena do regime aberto, retornem ao mercado de trabalho. A partir desta segunda (22), eles vão trabalhar na Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas (SPVD) e na Tek Shine Textil, localizadas no bairro de Santo Amaro e São José, respectivamente.

Entre homens e mulheres, serão 14 profissionais da empresa têxtil, atuando na costura de peças de cama, mesa e banho e outros 10 trabalhando em serviços gerais, eletricista, encanador e jardineiro na sede da SPVD.

Pelos serviços, os trabalhadores serão remunerados com um salário mínimo. Todos são acompanhados pelo Patronato Penitenciário, órgão ligado à SJDH, responsável por oferecer assistência jurídica e psicossocial aos egressos prisionais. Os contratos são regidos pela Lei de Execuções Penais, o que não gera vínculo empregatício, isentando o empregador e pagar encargos trabalhistas como 13º salário, férias e FGTS.

Antes de serem contratados, os apenados passaram por entrevista prévia, cursos de capacitação e acompanhamento jurídico e psicológico. “A iniciativa contribui para quebra de um ciclo de violência, com essa oportunidade, dificilmente esses reeducandos voltarão a cometer novos delitos. Atualmente somamos 1.040 ex-detentos trabalhando por meio de convênios de empregabilidade”, explica o secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico.

Programação segue agora às 16h no campus Casa Forte com abertura de exposições, entrega de medalhas e corte do bolo. Próximo dia 25 o Cinema da Fundação abre a mostra de filmes portugueses
Programação segue agora às 16h no campus Casa Forte com abertura de exposições, entrega de medalhas e corte do bolo. Próximo dia 25 o Cinema da Fundação abre a mostra de filmes portuguesesFoto: Divulgação

Na manhã deste domingo (21), começaram as comemorações dos 70 anos da Fundação Joaquim Nabuco e 40 anos do Museu do Homem do Nordeste, a partir das 10h, com o lançamento dos selos Gilberto Freyre, fundador da instituição, e Joaquim Nabuco, seu patrono, no Engenho Massangana, Cabo de Santo Agostinho, onde o abolicionista viveu até os oito anos de idade. Agora à tarde, a partir das 16h, as comemorações acontecem no campus Casa Forte, com a abertura de exposições, entrega das medalhas Joaquim Nabuco e Gilberto Freyre e corte do bolo. A cerimônia de obliteração dos selos foi realizada em parceria com os Correios.

O presidente da Fundação Joaquim Nabuco, Antônio Campos, parabenizou a instituição pelos seus 70 anos. “A casa Joaquim Nabuco se renova e se abre para uma nova página. Esse legado que estamos presenciando é tanto de Gilberto quanto de Nabuco. Que eles nos inspirem e nos levem para um caminho bom, do bem. Com esse farol conseguiremos transformar para melhor o Brasil”, disse, em seu discurso de abertura. A gerente Operacional dos Correios em Pernambuco, Márcia Cristina Lima, elogiou a iniciativa da Fundaj ao lançar selo comemorativo homenageado seu patrono e seu fundador. "Joaquim Nabuco e Gilberto Freyre devem ser não apenas lembrados, mas colocados em nosso cotidiano. Justa homenagem está sendo feita por essa Casa a ambos", ressaltou.

Ao todo, foram dez homenageados com os álbuns contendo os selos comemorativos. O primeiro deles foi a família de Joaquim Nabuco, representada na cerimônia pelo bisneto Pedro Nabuco. “Considero uma visita mística poder prestigiar, mais uma vez, o Engenho Massangana. Basta dizer que meu bisavô escreveu nas páginas de Minha Formação que o Engenho Massangana foi um oráculo. O local representa muito para nós, para Pernambuco, para o Brasil. E nada mais gratificante que participar do lançamento de um selo do meu bisavô, mas que estampa também Freyre. Muito obrigada pelo convite”, agradeceu o documentarista.

Sônia Freyre, a presidente da Fundação Gilberto Freyre, participou da solenidade. Em seu discurso, enfatizou a importância cultural e histórica da Fundaj. “Gilberto estava inspiradíssimo quando resolveu fundar um instituto de pesquisa para homenagear Nabuco. A Fundação continua em pé e trabalhando bastante para fazer o bem ao nosso país. Vamos adiante, vamos para frente. E veremos vários resultados com essa nova gestão”, previu.

Outros nomes importantes também prestigiaram a cerimônia: coordenadora-geral do Instituto Ricardo Brennand, Nara Galvão, o diretor da Associação de Imprensa de Pernambuco (AIP), Múcio Aguiar Neto, o diretor da União Brasileira dos Escritores (UBE), Renato Siqueira, o presidente do Tribunal Regional do Trabalho 6ª Região, Valdir José Silva, a cônsul geral da Alemanha para o Nordeste, Maria Konning, a representante dos consulados em Recife, Kátia Gilaberte, e Verônica Ribeiro, que representou o presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), José Coimbra Patriota.

Exposições

Há quatro décadas levando ao público quem é o homem do Nordeste, o Muhne aniversaria no mesmo dia da Fundaj. O coordenador do museu, Frederico Almeida, lembra que o espaço é uma referência nacional. “Por sua tradição, pela contribuição para a sociedade no entendimento antropológico do homem do Nordeste”, observa, acrescentando que as exposições que serão abertas no domingo (21/07) são fruto de um trabalho em conjunto com os servidores do Muhne.

A exposição “40 anos Educando” homenageia Silvia Brasileiro, que integrou a equipe do Educativo do Museu de 1987 a 2015, e será aberta às 16h na sala Waldemar Valente, no campus da Fundaj em Casa Forte. “Ela acreditava que era brincando que se aprendia. Normalmente, crianças não podem mexer em nada nem falar alto em museus. No Muhne, elas cantam, dançam, brincam e se divertem”, explica a antropóloga do Muhne, Ciema Mello.

A proposta da exposição é mostrar por meio de brinquedos, bonecos, caminhões, carrinhos de lata, oficinas de máscaras e brinquedos, que a identidade é um pedaço escondido dentro de alguém. A ideia, destacou a antropóloga, é que os pequenos saiam mais nordestinas e mais brasileiras. A mostra em que a criança será protagonista, mas os adultos também são muito bem vindos, ficará exposta por seis meses.

Em seguida, será aberta a intervenção museológica “Muhne 40 Anos, 40 Peças”. Serão 15 peças da exposição permanente do museu somadas a outras 25 da reserva técnica para contar toda história do Muhne. “A exposição dará oportunidade às pessoas de conhecerem mais profundamente o museu e entender essa trajetória que engloba também o Museu do Açúcar, o Museu de Antropologia e o Museu de Arte Popular,” conta o coordenador do setor de Museologia, Albino Oliveira.

As 40 peças foram identificadas e escolhidas em acordo com a equipe do Museu, considerando seus significados para cada época da instituição. A mostra vai virar uma publicação impressa, reunindo as 40 pessoas para escreverem textos sobre as 40 peças escolhidas.

Medalhas

Às 17h, o jardim do Museu do Homem do Nordeste sediará a cerimônia de entrega das medalhas Joaquim Nabuco e Gilberto Freyre. Serão 110 homenageados entre servidores da casa, personalidades e instituições que contribuíram com a Fundação e o Museu. “Cada uma dessas medalhas estabelece um vínculo com a grandeza de seus patronos. A valorização da nossa região Nordeste perpassa o praticar, ousar, cultivar e inspirar-se na imagem e nos ideais de Joaquim Nabuco”, diz o presidente Antônio Campos.
Entre os homenageados, 50 servidores com mais de 40 anos de casa, artistas, como Lia de Itamaracá, artesãos, como mestre J. Borges, instituições, entre elas a Academia Pernambucana de Letras, o Tribunal de Justiça de Pernambuco e a Assembleia Legislativa de Pernambuco. Também serão agraciadas as famílias de personalidades que contribuíram para o desenvolvimento da Fundação, como as famílias Mário Lacerda, Mário Souto maior e Ulysses Pernambuco de Melo.

Cinema

As comemorações continuam na próxima semana. De 25 a 28 de julho, o Cinema da Fundação estreia a Mostra Inéditos do Cinema Português. Serão sete longas de diretores contemporâneos portugueses nunca vistos no estado, numa parceria com a Embaixada Portuguesa e o Instituto Camões. A mostra evoca o conceito “luso-tropicalismo”, elaborado pelo sociólogo e escritor Gilberto Freyre, que destaca, entre outros aspectos, a língua portuguesa como um dos principais elos de identidade cultural dos países lusófonos. A entrada será gratuita

“Essa mostra é uma excelente oportunidade não só de conhecermos mais o cinema atual produzido em Portugal, como, também, de difundirmos as ideias de Gilberto Freyre neste ano de comemoração dos 70 anos de criação da Fundação Joaquim Nabuco”, diz a coordenadora do Cinema da Fundação, Ana Farache.

Confira a programação completa aqui

O secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Bruno Schwambach, em entrevista à Rádio Folha
O secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Bruno Schwambach, em entrevista à Rádio FolhaFoto: Caio Danyalgil / Folha de Pernambuco

Em entrevista à Rádio Folha (FM 96,7), nesta segunda-feira (22), o secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Bruno Schwambach falou sobre a carência de planos e projetos do Governo Federal que gerem emprego e renda num curto prazo, e da expectativa pela liberação de R$ 50 milhões do Ministério da Infraestrutura para dragagem do Porto do Recife. Além disso, abordou a relevância da economia 4.0 para o Estado e o foco nos arranjos produtivos locais, entre outros assuntos.

"O país vive um momento complicado. Passamos pela maior crise que o Brasil já viveu. O presidente Bolsoanro foi eleito com uma série de promessas que animou o mercado, mas infelizmente as políticas públicas que estão sendo implantadas não estão provocando uma reação na economia real", avaliou o secretário.

"O que a gente tem feito é se deslocar um pouco da política de Brasília e identificar as potencialidades que o Estado tem. Temos várias cadeias produtivas, um mercado trabalhador bastante punjante e a gente tem tentado atrair investimento e oportunidades para quem quer investir em Pernambuco", disse Schwambach. Segundo ele, Pernambuco cresceu o dobro do Brasil no primeiro trimestre do ano (1,2 %).

Confira a entrevista completa:

A entrega do diploma aconteceu em reunião solene, na Câmara Municipal.
A entrega do diploma aconteceu em reunião solene, na Câmara Municipal.Foto: Divulgação

O deputado estadual Eriberto Medeiros (PP), presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, recebeu, na noite do último sábado (20), o título honorífico de cidadão de Bezerros. O autor da proposição que o parlamentar estadual cidadão bezerrense foi o vereador José Hailton de Carvalho e Silva (PP), conhecido como Gabeira. A entrega do diploma aconteceu em reunião solene, na Câmara Municipal.

Na solenidade, o pastor Roberto José dos Santos, presidente da Assembleia de Deus em Abreu e Lima (IEADALPE) também foi agraciado como cidadão bezerrense, tendo como autor da homenagem o vereador Eliel Vieira (PV). Além de Gabeira e Eliel, também marcaram presença os vereadores Luiz Carlos (PSB), Fia de Cajazeiras (PSL), Tititi (PSB), Júnior Carvalho (PSL), Nivaldo Santino (PSB), Carlos Antônio (PSD), Erivaldo Justino (PSB), Didiu da Laranja (PSB), Guinho de Pessoa (PR) e Evandro Silvestre (PHS).

A proposta do título de cidadão ao deputado Eriberto Medeiros foi aprovada por unanimidade na Câmara de Bezerros. O vereador Gabeira, presidente do Legislativo municipal, ressaltou a feliz coincidência da honraria ser entregue no Dia do Amigo, 20 de julho, evidenciando as boas parcerias que o deputado tem feito em favor da população.

“Antes de conhecê-lo pessoalmente, sempre ouvi falar que Eriberto tinha mandado trator para arar a terra, para cavar poços. Enfim, tinha um trabalho intenso na cidade de Bezerros mesmo não tendo nenhuma representação aqui. Foi dessa forma que estabelecemos uma parceria que rendeu muitos frutos para a população”, afirmou o vereador.

O presidente Eriberto, por sua vez, fez um agradecimento emocionado ao título de cidadão, afirmando que suas raízes familiares vêm dessa região, especialmente o seu pai, José Belarmino de Oliveira, também conhecido como Zé Soares. “Somos iluminados porque fomos reconhecidos pelos verdadeiros representantes do povo de Bezerros e o nosso dever só aumenta com esse município”, concluiu o deputado, que esteve acompanhado da sua esposa, a prefeita de Cumaru, Mariana Medeiros, o seu cunhado, Antônio Américo, que é presidente da Câmara do mesmo município, além de filhos, irmãos e amigos.

eriberto

Presidente Jair Bolsonaro (PSL) em visita ao Nordeste, durante a campanha eleitoral
Presidente Jair Bolsonaro (PSL) em visita ao Nordeste, durante a campanha eleitoralFoto: Agência Brasil

Após vídeo que revelou conversa particular de Jair Bolsonaro com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, durante café da manhã com correspondetes internacional, em que o presidente se refere aos governadores do nordeste como "paraíbas" e ataca o chefe do executivo estadual do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), diversos políticos pernambucanos usaram as redes sociais para reagir ás declarações.

"O presidente Bolsonaro erra quando critica os Governadores do Nordeste, mesmo com opiniões diferentes. Não é hora de divisionismo, é hora de unir o Brasil", postou deputado federal Silvio Costa Filho (PRB).

"Ao se referir ao estado do Nordeste como Paraíba de forma pejorativa, Bolsonaro destila preconceito contra todos nós nordestinos. Não tem a mínima ideia do que é ser presidente do Brasil, pensa que escolhe com quem dialoga e para quem governa. #200diasDeVergonha", criticou o deputado federal Carlos Veras (PT).

O deputado Tadeu Alencar, líder do PSB na Câmara, divulgou nota repudiando as declarações. "É inadmissível quando um presidente da República ameaça de retaliação governadores a quem deveria tratar com equanimidade e respeito mínimo” afirmou o líder socialista, ressaltando estar “solidário com todos os governadores do Nordeste e todos os nordestinos agredidos pelo presidente da República”. 

Ao governador do Maranhão, Flávio Dino, com quem esteve na semana passada, no lançamento da Frente Parlamentar Mista de Defesa das Comunidades Quilombolas, Tadeu Alencar fez questão de expressar seu apoio contra o destempero do chefe da Nação. “Ele tem minha solidariedade e meu apoio irrestrito contra ataque tão torpe, descabido e inaceitável”.

Já o deputado Túlio Gadêlha (PDT) postou uma imagem com todas as bandeiras dos Estados do Nordeste e a legenda "#OrgulhoDeSerNordestino". O senador Humberto Costa (PT), postou um vídeo sobre preconceito com nordestinos com a legenda "O Nordeste tem muitas cores. Nem uma delas é a da discriminação". Já o governador Paulo Câmara (PSB) publicou a carta conjunta dos governadores do Nordeste a Bolsonaro.


Confira:

silvio costa filho
veras
tulio
humberto
Paulo Câmara (PSB)

Confira as principais manchetes de hoje
Confira as principais manchetes de hojeFoto: Divulgação

Folha de Pernambuco: "Bolsonaro pode avaliar redução da multa do FGTS"

Jornal do Commercio: "Após vídeo polêmico, Bolsonaro visita o NE"

Diario de Pernambuco: "Caminhoneiros: ameaça de paralização começa esvaziada"

Folha de S. Paulo: "Risco de morte da mulher sobe 8 vezes com violência"

O Estado de S. Paulo: "Leilão da reforma 5G pode movimentar R$ 20 bilhões"

O Globo: "Alvo de reforma, custo da elite de servidores é o triplo dos demais"

Estado de Minas: "Falta de soro coloca vidas em risco em MG"

O Tempo: "País desperdiça R$ 10 bi com 14 mil obras abandonadas"

Correio do Povo: "Bolsonaro diz que vai avaliar a redução da multa do FGTS"

Extra: "Policial ganha carro de luxo ao entregar traficantes a milicianos"

Zero Hora: "Inclusão de Estados na reforma fica para 2020"

Valor Econômico: "Empregas captam ao menor custo no exterior desde 2014"

O Dia: "Bolsonaro fala em reduzir multa para demissão sem justa causa"

Correio Braziliense: "Queda dos juros deixa poupança mais atrativa"




Paulo Camara
Paulo CamaraFoto: Arthur Mota

Os governadores do Nordeste divulgaram, na noite desta sexta-feira (19), uma carta em resposta a declaração do presidente Jair Bolsonaro (PSL) sobre os gestores da Região, que foram chamados por ele de "Paraíba".

A frase foi dita durante um café da manhã entre Bolsonaro e jornalistas, mas só ganhou destaque após a divulgação de um trecho do vídeo em que o presidente fala com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM-RS): "Dos governadores de 'paraíba', o pior é o do Maranhão. Não tem quer ter nada pra esse cara."

Confira a carta na íntegra:

"Carta dos Governadores do Nordeste
19 de Julho de 2019

Nós governadores do Nordeste, em respeito à Constituição e à democracia, sempre buscamos manter produtiva relação institucional com o Governo Federal. Independentemente de normais diferenças políticas, o princípio federativo exige que os governos mantenham diálogo e convergências, a fim de que metas administrativas sejam concretizadas visando sempre melhorar a vida da população. 

Recebemos com espanto e profunda indignação a declaração do presidente da República transmitindo orientações de retaliação a governos estaduais, durante encontro com a imprensa internacional. Aguardamos esclarecimentos por parte da presidência da República e reiteramos nossa defesa da Federação e da democracia".

Governo do Estado, prefeitura e empresas parceiras vão oferecer mais de cem serviços importantes e gratuitos para a população
Governo do Estado, prefeitura e empresas parceiras vão oferecer mais de cem serviços importantes e gratuitos para a populaçãoFoto: Divulgação

A população de Garanhuns, no Agreste Meridional, receberá próximo sábado (20), pela primeira vez, uma Ação de Cidadania do Programa Governo Presente que é coordenado pela Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas Executiva de Articulação e Prevenção Social ao Crime e à Violência. A ação também conta com a parceria da Prefeitura de Garanhuns e parceiros privados. A mesma acontecerá na Escola de Referência de Ensino Médio (EREM) Francisco Madeiros, bairro do Magano das 8h às 12h com uma infinidade de serviços ofertados de graça a população.

O evento vai acontecer no bairro Magano, beneficiando moradores do bairro são José, Santo Antônio e todos que comparecerem a Ação. No mutirão, serão oferecidos mais de cem serviços entre a emissão de CPF, carteira de identidade e dos registros de nascimento, casamento e óbito. Também haverá cadastro no Alerta Celular e orientações sobre o BPC, CadÚnico, Programa Bolsa Família e Mediação de Conflitos.

Também serão oferecidos serviços na área de saúde como exames rápidos de visão, preventivo de câncer de colo do útero; testes rápidos de glicemia, HIV/Aids e sífilis; aferição de pressão arterial, distribuição de preservativos e gel lubrificante, limpeza de pele e higienização facial, orientações sobre higiene bucal, doação de medula óssea e de sangue.

Os jovens presentes terão a oportunidade de se inscrever nos cursos de qualificação profissional oferecidos pelo Programa Juventude Presente. Os moradores do município e da região poderão solicitar os benefícios da tarifa social para a redução das faturas de água e luz, emitir segunda via de contas e negociar débitos com a Compesa e com a Celpe. Haverá também divulgação sobre o Programa Atitude e oficina de redução de danos, orientações sobre pensão alimentícia, investigação de paternidade (exame de DNA) e informações sobre o 13º do Bolsa Família.

Serviços:

Ação de Cidadania do Programa Governo Presente

Onde ? Cidade de Garanhuns.
Local ? EREM Francisco Madeiros – Rua Julião Cavalcante, s/n – Magano (próximo ao Cristo do Alto do Magano)
Quando? Sábado, dia 20 de julho de 2019. Das 8h às 12h

comece o dia bem informado: